Djalma vai ao MP pedir interdição total do Túnel

Djalma Araújo irá, na quinta-feira, às 15h, ao Ministério Público pedir a interdição total do túnel da Avenida Araguaia; obra recém-inaugurada chamou a atenção pela terceira vez, agora com alagamento gigante após a forte chuva no final da tarde de segunda-feira; “Não podemos ficar de braços cruzados esperando a próxima chuva e colocar a vida do cidadão em risco”, diz o vereador; um ônibus ficou ilhado próximo ao túnel e os passageiros foram resgatados por uma patrola

tunel araguaia
tunel araguaia (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás247 - O vereador Djalma Araújo (SDD) irá, na quinta-feira, às 15h, ao Ministério Público Estadual (MP-GO) pedir a interdição total do túnel da Avenida Araguaia. A obra recém-inaugurada chamou a atenção pela terceira vez, agora com alagamento total após a forte chuva no final da tarde de segunda-feira (16).

Para Djalma, que já esteve no MP e também no Conselho Regional de Engenharia (CREA) pedindo laudo da construção, o local deve ser totalmente interditado e passar por uma diligência que averigue sua estrutura e instalações. “Não podemos ficar de braços cruzados esperando a próxima chuva e colocar a vida do cidadão em risco”, afirma.

O MP atendendo a representação de Djalma Araújo abriu procedimento para apurar os fatos, que corre na Promotoria do Patrimônio Público, sob a responsabilidade do promotor Humberto Vinicius Guimarães, que já solicitou inclusive documentação da prefeitura sobre a obra, que fora iniciada com recursos federais, suspensos após suspeita de desvio de verba, e posteriormente reiniciada com recursos do município.

Djalma também apresentou na Câmara requerimento pedindo que os vereadores aprovassem a interdição do local, mas a proposta não foi colocada em votação pela presidência da Casa. Djalma diz que até mesmo a construção de estrutura metálica pode estar superfaturada. Segundo Djalma, a prefeitura comprou a matéria prima, mas os servidores da Semob que tiveram que instalar os equipamentos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247