Doria afirma que banho de água fria em moradores de rua foi ação ‘descuidada’

Na manhã desta quarta-feira (19), moradores de rua da região central de São Paulo foram atingidos por jatos de água em ações da empresa de limpeza urbana, com os termômetros marcando 12º C;  O prefeito de São Paulo, João Doria, admitiu que a ação de limpeza na praça da Sé foi ‘descuidada’  

São Paulo - Pessoas em situação de rua na Praça da Sé, região central.(Rovena Rosa/Agência Brasil)
São Paulo - Pessoas em situação de rua na Praça da Sé, região central.(Rovena Rosa/Agência Brasil) (Foto: Charles Nisz)

SP 247 -  O prefeito de São Paulo, João Doria, admitiu que a ação de limpeza na praça da Sé na manhã desta quarta (19), que molhou cobertores de moradores de rua, foi ‘descuidada’. 

De acordo com informações da rádio CBN, durante o processo diário de limpeza do local, moradores de rua foram atingidos pelos jatos d’água da empresa contratada para fazer a higiene urbana. Não havia agentes de assistência social no momento.

Segundo Doria, estas ações de limpeza não são acompanhadas por agentes da Prefeitura. Mas a ção de hoje, com o frio de 12º C, serviu de alerta para que o cuidado da limpeza seja redobrado. O secretário das prefeituras regionais, Bruno Covas, foi alertado para que os trabalhos de limpeza sejam feitos com mais cuidado, explicou Doria.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247