É grave o estado de saúde do ex-goleiro Gylmar

Internado desde o último dia 8 de agosto no Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital paulista, o ex-goleiro da Seleção Brasileira, Gylmar dos Santos Neves , teve complicações de saúde após sofrer infecção urinária e infarto agudo do miocárdio

Internado desde o último dia 8 de agosto no Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital paulista, o ex-goleiro da Seleção Brasileira, Gylmar dos Santos Neves , teve complicações de saúde após sofrer infecção urinária e infarto agudo do miocárdio
Internado desde o último dia 8 de agosto no Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital paulista, o ex-goleiro da Seleção Brasileira, Gylmar dos Santos Neves , teve complicações de saúde após sofrer infecção urinária e infarto agudo do miocárdio (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Marli Moreira
Repórter da Agência Brasil

São Paulo - Internado desde o último dia 8 de agosto no Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital paulista, o ex-goleiro da Seleção Brasileira, Gylmar dos Santos Neves , teve complicações de saúde após sofrer infecção urinária e infarto agudo do miocárdio e seu estado é considerado grave.

Segundo boletim médico divulgado hoje (24) à tarde , o ex-jogador já apresentava sequela de uma acidente vascular cerebral (AVC) e insuficiência cardíaca. “O paciente permanece internado em estado grave, tendo como complicação infecção sistêmica”, diz a nota.

No último dia 22, Gylmar completou 83 anos de idade. Ele atuou na década de1950 no Esporte Clube Corinthians e depois no Santos Futebol clube, no período de 1962 a 1969, e teve papel expressivo na conquista da Copa do Mundo de 1958  e de 1962 pela Seleção Brasileira de Futebol.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email