'É um pedido do nosso secretário', diz funcionária sobre censura a livros em Rondônia

Dois áudios atribuídos à gerente de Educação Básica de Rondônia, Rosane Seitz Magalhães, ela afirma que o secretário Suamy Vivecananda Lacerda de Abreudeu ordem para censurar alguns livros em escolas. "Tem muitos livros que não está [sic] de acordo com os nossos alunos", disse. "É um pedido do nosso secretário, tá?"

Documento da Seduc mostra relação dos 43 livros que seriam recolhidos da rede de ensino em Rondônia
Documento da Seduc mostra relação dos 43 livros que seriam recolhidos da rede de ensino em Rondônia (Foto: Reprodução/TV Globo)

247 - Dois áudios atribuídos à gerente de Educação Básica de Rondônia, Rosane Seitz Magalhães, nomeada sob a indicação do secretário Suamy Vivecananda Lacerda de Abreu no começo da gestão Coronel Marcos Rocha (PSL), reforçam que o mandatário da pasta mentiu ao dizer que seria falso o memorando-circular onde havia anexo com lista de livros a serem recolhidos pela Educação.No áudio, Rosane Seitz Magalhães afirma que a intenção do recolhimento dos livros era evitar "uma turbulência", de acordo com o jornal Rondônia Dinâmica.

Dentre as obras censuradas estariam “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis, e “Os Sertões”.

"Boa noite. Olha, vocês o kit. [...] Porque assim, esse kit foi comprado fechado, porque foi a adesão de uma ata. Então tem muitos livros que não está [sic] de acordo com os nossos alunos. A gente detectou. Só que já havia mandado para as escolas. Eu vou te mandar aqui uma lista dos livros que precisam ser devolvidos para nós urgentemente. Se estiver na CRE [Coordenadoria Regional de Educação] ainda esse livros, não mande para a escola. Na CRE mesmo já pega os técnicos, pega esses livros que estou mandando aqui na caixa, lacra a caixa e envia para mim aqui na Gerência de Educação Básica mesmo. Aqui no primeiro andar [...]".

"Olha, se você pudesse mandar um 'zap' aí pra alguém da CRE para ver se está na CRE ainda seria interessante para que nem vá para a escola. Que assim, é um pedido do nosso secretário, tá? E outra coisa: a Vanusa já deu até uma ideia. Ela já colocou no grupo dos gestores, e os gestores já estão retirando, separando, pondo numa caixa, passando uma fita, e aí a primeira oportunidade já devolve para nós. Que é pra gente devolver para a editora, para a editora substituir. Se você puder fazer o mesmo, a gente agradece. Porque daí evitaria de as pessoas terem contato pra não ficar aquela turbulência toda. Tá bom? Conto com seu apoio, obrigada".

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação de Rondônia (Seduc/RO) negou a censura. "A Seduc reforça o compromisso com a Educação e reconhece que os livros são obras de autores consagrados mundialmente e cumprem um papel importante para uma construção social. Prova disso, foram os extraordinários resultados dos alunos da rede pública estadual no último Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, além de diversas ações e investimentos que foram feitos recentes para o início do ano letivo".

lista de livros rondonia


secretari educação rondonia

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247