Em aceno a eleitores de Bolsonaro, Alckmin volta a prometer armas no campo

"Você na cidade tem o carro da polícia passando, a rádio patrulha. Você discou discou 190 e rapidamente a polícia está na sua porta. Na área rural é diferente, então nós defendemos a posse de arma na área rural. Que você possa ter dentro da área rural a posse de arma", disse o pré-candidato tucano

Em aceno a eleitores de Bolsonaro, Alckmin volta a prometer armas no campo
Em aceno a eleitores de Bolsonaro, Alckmin volta a prometer armas no campo (Foto: REUTERS/Ricardo Moraes)

Da Agência Sputinik – Antigo defensor do Estatuto do Desarmamento, Geraldo Alckmin (PSDB) voltou a afirmar que pretende flexibilizar a posse de arma no campo.

"Você na cidade tem o carro da polícia passando, a rádio patrulha. Você discou discou 190 e rapidamente a polícia está na sua porta. Na área rural é diferente, então nós defendemos a posse de arma na área rural. Que você possa ter dentro da área rural a posse de arma", disse o pré-candidato tucano.

A fala ocorreu em encontro na Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems). O Estado do Centro-Oeste é conhecido pelos seus conflitos fundiários e a violência no campo. ​Alckmin também ressaltou que é importante combater o "tráfico de armas" e a "questão da droga".


Após ver Jair Bolsonaro (PSL) decolar nas pesquisas de intenção de voto, Alckmin tem buscado atrair parte do eleitorado do antigo capitão do Exército.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247