Em Brotas, o turismo de aventura é tudo de bom

Neste inverno, época de temperaturas mais amenas, céu azul e muito sol, que tal ir para Brotas, famosa por suas cachoeiras e rafting no Rio Jacaré-Pepira, mas que oferece uma série de atividades de aventura fora d´água?; ali o turismo de aventuras vai além das cachoeiras e corredeiras sendo possível praticar outras atividades ao ar livre, como caminhada, arvorismo, tirolesa, queda livre, off road, ciclismo, cavalgada e também para, à noite, realizar a observação de planetas e nebulosas nos potentes telescópios do Centro de Estudos do Universo, então, que tal aproveitar o clima de fazenda e de aventuras? 

Em Brotas, o turismo de aventura é tudo de bom
Em Brotas, o turismo de aventura é tudo de bom

Lettera - É inverno! Época de temperaturas mais amenas, de céu azul e muito sol. Que tal ir para Brotas, famosa por suas cachoeiras e rafting no Rio Jacaré-Pepira, mas que oferece uma série de atividades de aventura fora d´água? É a melhor época do ano para atividades ao ar livre, como caminhada, arvorismo, tirolesa, queda livre, off road, ciclismo, cavalgada e também para, à noite, observar planetas e nebulosas nos potentes telescópios do Centro de Estudos do Universo pois, geralmente, o céu está livre de nuvens. Vão muito bem com o friozinho acompanhar a queima de cerâmica num ateliê que usa a técnica raku, almoçar em sítios e fazendas que usam fogão a lenha e tomar um café no tombado Cine São José, de propriedade do cantor Daniel.

Um roteiro de três ou quatro dias em Brotas ainda permite uma esticada na vizinhança, como ao Território do Calçados de Jaú (a 54km), um shopping com mais de 200 lojas, a Barra Bonita (a 76km), para um passeio de barco na eclusa do rio Tietê, ou à charmosa Águas de São Pedro (a 52km) para relaxar no spa termal da cidade. Para quem está em São Paulo, agora tem mais uma facilidade. Recentemente, a Flytour passou a oferecer pacotes para Brotas que incluem transporte. Distribuídos entre a cidade e os sítios turísticos, na zona rural, Brotas conta com mais de 40 meios de hospedagem entre hotéis, pousadas, hotéis-fazenda e resort e 30 restaurantes de gastronomia para todos os paladares, da cozinha caipira à temática. Oito operadoras cuidam de tudo para que sua diversão esteja garantida.

A cidade é ou não é um destino que vale muito a pena? Se vier com os amigos, vai ser uma experiência em que o difícil será abrir mão de uma ou outra atração em prol da maioria do grupo. Se é uma viagem em família, certeza que as crianças vão amar e os pais vão se perguntar porque não tiveram a ideia antes! Então é aproveitar os meses de julho e agosto, época em que raramente chove e os dias são ensolarados e com temperatura agradável para atividades ao ar livre.

Alguém vai perguntar: vou para Brotas e não vou fazer rafting e aproveitar as cachoeiras, que formam o tripé do turismo de aventura e que tornaram a cidade nacionalmente conhecida? Como é inverno, a água está mais fresquinha sim, mas com uma dose de coragem é perfeitamente possível fazer rafting porque a adrenalina não te deixa sentir frio. E as cachoeiras não são apenas para banho. As trilhas para chegar até elas, explorando trechos de restingas de matas, em trajetos mais suaves ou mais difíceis, observando pássaros e outros animais nas árvores, cortando córregos sobre pequenas pontes, já valem o passeio. Ao se aproximar de uma cachoeira você vai sentir a magia de uma queda d´água, um lugar que vale a contemplação, um momento de introspeção para pensar na natureza e na vida, para depois molhar as mãos, os pés e, quem sabe, criar coragem para um banho.

As crianças, além de muita diversão, têm um grande estímulo para se desligarem do celular e do mundo virtual por uns dias: atividade física e contato com a natureza. Para os pequenos, seguindo as normas da ABNT (Associação Nacional de Normas Técnicas), Brotas oferece o minirrafting. Como no passeio para os adultos, eles descem o Rio Jacaré-Pepira em barcos infláveis com equipamentos de segurança e acompanhados por guias. A diferença é o percurso: mais curto e em trecho mais calmo do rio, sem corredeiras fortes. O único requisito é gostar de diversão e de natureza. Pais e mães podem fazer o passeio junto com seus filhos dentro do bote.

Você tem medo de altura? Se tiver, em Brotas é o lugar para superá-lo. Uma boa indicação para isso é o arvorismo. No município são vários circuitos, em diferentes graus de dificuldade. As crianças podem fazer o passeio numa modalidade mais leve, é claro. O arvorismo kid, indicado para a partir de 4 anos, é um minicircuito em que os pequenos brincam sob os cuidados de guias preparados para cuidar do público infantil enquanto os pais se divertem nas atividades para adultos, com muita emoção.

Outra boa opção é a tirolesa. Deslizar preso a um cabo sobre árvores, vale ou lago, é uma aventura sem igual, que dá a sensação de estar voando. Brotas também tem tirolesa para vários gostos, desde para quem quer muita adrenalina até para os iniciantes e crianças. Para os pequenos, a indicação é o voo canguru. A criança vai no colo do pai, a mãe ou outro responsável adulto. Bem juntinho, ela curte a aventura com toda a segurança.

Turismo rural

Estamos numa época do ano em que todo o Brasil faz festas caipiras. Então, que tal conhecer a roça mais de perto e vivenciar um pouco de quem vive no mundo rural? Em Brotas, isso é possível. Há sítios e fazendas que são abertos ao turismo e oferecem atividades como cavalgada, passeio de charrete, trilha no pomar para pegar fruta no pé e até a possibilidade de acompanhar a lida do dia a dia, incluindo a ordenha das vacas. Não é uma novidade para a criançada da cidade, mas que os adultos também adoram? E, claro, comida preparada no fogão a lenha, quentinha, cheirosa e saborosa para matar a fome em um dia repleto de atividades.
Se estiver em grupo, uma sugestão é agendar um Café Rural no Sítio Tamanduá. Imagine uma mesa farta, com café recém-coado, pães, bolos, frutas, quitutes de milho e de mandioca. Pois é o que você encontra lá. Aliás, em vários sítios turísticos de Brotas é possível comprar comidinhas e bebidinhas para levar para casa. Produtores rurais da agricultura familiar produzem, de maneira artesanal, licores, cachaças, doces regionais e compotas variadas, além de processar um saboroso mel.

Turismo cultural

Para as noites, o programa imperdível para as crianças – e também para os adultos – é visitar o Centro de Estudos do Universo, o mais moderno observatório e planetário da América Latina. Além de divertido, é um passeio que propicia conhecimento. Com potentes telescópios, o visitante vai olhar para o céu e observar planetas e nebulosas não visíveis a olho nu. E o melhor: tudo explicado de maneira muito simples pelos monitores, que são mestres em falar com a criançada de um jeito que elas ficam fascinadas pelos astros do céu.
Outro destaque de Brotas é o Anand Ateliê, que lembra muito os ateliês da região de Cunha. O visitante encontra os ceramistas trabalhando e recebe informações e demonstração das várias técnicas utilizadas. Mediante agendamento, pode acompanhar a queima de cerâmica com a técnica raku, uma experiência que leva o visitante a vivenciar a produção artística. Os fãs do cantor Daniel, além de visitar o Cine São José, de sua propriedade e onde funciona uma cafeteria, também tem a possibilidade de conhecer por fora a casa do artista na cidade. Se der sorte, pode encontrá-lo na rua!

Compras

Quando se viaja um dos objetivos é conhecer a cultura da região e, se possível, levar uma algo. A Casa da Cachaça é um dos lugares perfeitos para isso, para visitar sem pressa, com tempo para conversar com os funcionários e clientes, como se fazia antigamente, comer e beber e ainda levar quitutes para casa. Entre as delícias, além dos licores e cachaças de vários sabores, destaque para o doce de abóbora com coco vendido em pedaços. Uma delícia! Mas tem tanta coisa: geleias, compotas, biscoitos, pimentas, cactchup de goiaba, queijos e embutidos. E, aos sábados, dá para acompanhar a fabricação caseira de pinga e a torrefação de café. É claro que você vai querer provar as bebidas, né?!

Além das pingas e licores, Brotas produz cervejas artesanais, já premiadas. A Brotas Beer, comercializada na maioria dos restaurantes e até em supermercados da cidade, está ganhando mercado dia a dia. É, com certeza, a pedida para um brinde na happy hour na cidade, assim como uma boa opção de presente. Outro lugar para comprinhas de qualidade é a Adega Casarão, que tem cachaças, licores, cervejas artesanais, doces caseiros, geleias compotas, bolachas caseiras, café, mel, pimentas, queijos e salames. Só o prédio já vale a visita: é um casarão do século XIX, em que a estrutura da parede de pau a pique fica em exposição. Na cidade há lojinhas de artesanato, como a Xique-Xique, em que é quase impossível sair com apenas um item. E, quem sabe, você pega uma feirinha na praça. Os artesãos locais estendem, principalmente, bordados e artigos feitos de bambu, aos olhos dos turistas.

Então, concorda que Brotas tem atrações para muito mais de um final de semana? É só escolher as atividades da lista abaixo e montar o roteiro de três ou quatro dias e partiu Brotas! E, se arrumar um tempinho, esticar até Jaú, Barra Bonita ou Águas de São Pedro! Boa viagem!

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247