Em Maceió, Rui e vice assumem 2º mandato

O prefeito Rui Palmeira (PSDB) e o vice Marcelo Palmeira (PP) foram empossados no cargo no início da noite deste domingo (1º), durante solenidade ocorrida no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió; Rui afirmou que a prioridade dessa nova gestão será conseguir mais recursos federais e a liberação do empréstimo com o BID para 'tocar' obras nas áreas de habitação e saúde

O prefeito Rui Palmeira (PSDB) e o vice Marcelo Palmeira (PP) foram empossados no cargo no início da noite deste domingo (1º), durante solenidade ocorrida no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió; Rui afirmou que a prioridade dessa nova gestão será conseguir mais recursos federais e a liberação do empréstimo com o BID para 'tocar' obras nas áreas de habitação e saúde
O prefeito Rui Palmeira (PSDB) e o vice Marcelo Palmeira (PP) foram empossados no cargo no início da noite deste domingo (1º), durante solenidade ocorrida no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió; Rui afirmou que a prioridade dessa nova gestão será conseguir mais recursos federais e a liberação do empréstimo com o BID para 'tocar' obras nas áreas de habitação e saúde (Foto: Voney Malta)

Alagoas 247 - O prefeito Rui Palmeira (PSDB) e o vice Marcelo Palmeira (PP) foram empossados no cargo no início da noite deste domingo (1º), durante solenidade ocorrida no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió. Eles fizeram juramento e assinaram o termo de posse. Ao conversar com a imprensa momentos antes de assumir o cargo de chefe do Executivo Municipal pela segunda vez, Rui Palmeira afirmou que a prioridade dessa nova gestão será conseguir mais recursos federais e a liberação do empréstimo com o BID para 'tocar' obras essenciais para o crescimento da cidade, em especial nas áreas de habitação e saúde. 

"Nós vamos dar continuidade ao trabalho que vínhamos realizando e agora, vamos atrás de mais recursos federais para tocar outras obras essenciais. Tive recentemente uma reunião com o presidente Temer e saí com um resultado positivo. Vamos aguardar a liberação para pôr a mão na massa. Em fevereiro, o BID vem para a última missão para a liberação do empréstimo que será utilizado na revitalização da orla lagunar", afirmou. 

O prefeito de Maceió também falou sobre a reforma administrativa, que reduziu o número de secretarias. Segundo ele, a economia com a adoção desta medida não chega a ser significativa para os cofres públicos municipais, mas aconteceu visando à redução de gastos com energia e aluguéis de carros e prédios, por exemplo. Ainda de acordo com Rui, a principal finalidade da reforma foi garantir mais celeridade às questões burocráticas. 

"A reforma vai servir para darmos celeridade às ações da prefeitura e no atendimento à população. Antes, para a liberação de projetos, tinha que passar por várias secretarias e agora conseguimos concentrar tudo em uma só. A solução é mais burocrática do que econômica", falou. 

Após assinar o termo de posse, o vice-prefeito discursou e agradeceu aos maceioenses que o reconduziram ao cargo para o segundo mandato. Ele falou que é preciso renovar as parcerias que, mesmo com independência, ajudaram a prefeitura na condução da gestão. 

"Apesar de todas as dificuldades, conseguimos mostrar que é possível realizar um grande trabalho. Avançamos na saúde,  na educação e na habitação.  Nossa gestão mostrou que é possível trabalhar em parceria com a Câmara e com a iniciativa privada. Vamos, nesses próximos quatro anos, manter a mesma linha de trabalho, que é respeitar as diferenças e tentar diminuir as desigualdades, trabalhando para todos. Rui e Marcelo, topado e colado com Maceió", destacou.        

O prefeito também discursou e falou sobre a renovação do compromisso com os maceioenses, que o terão à frente do município pelos próximos anos.

"Há quatro anos, selava um compromisso com os cidadãos para construir, empreender, investir e zelar pelo nosso bem mais precioso: os maceioenses. Renovo aqui meu mais nobre compromisso para o trabalho de desenvolvimento desta cidade. Nesses quatro anos avançamos muito, mas também tivemos muitas dificuldades. Construímos ruas, casas, postos de saúde,  entre outras ações que trouxeram de volta a dignidade da população de Maceió. Passados 4 anos, vemos a população renovar esse compromisso. Renovo meus mais sinceros votos de gratidão, meu compromisso para o trabalho, meu mais veemente voto de fé no futuro, fé em Deus e no grande trabalho que faremos a frente da prefeitura", afirmou.

Rui Palmeira citou ainda a crise financeira e as dificuldades enfrentadas ao longo de sua primeira gestão, ressaltando que o município "seguiu em frente, de cabeça erguida".

"Muito avançamos, mas as dificuldades foram inúmeras. Nossa equipe, nossos servidores num trabalho incansável. Ainda há muito a fazer. A crise econômica e política nacional nos afetou, mas não foi capaz de nos abater. Seguimos em frente, de cabeça erguida. Estamos colhendo vários frutos, como em especial, o orgulho de sermos uma gestão conhecida pela transparência e honestidade. Seguiremos em frente, fazemos muito mais que as grandes obras que estão por vir, que vão primar pela qualidade de vida, pelas nossas crianças, pela aplicação correta dos recursos públicos, que vai primar para que mantenhamos aceso o orgulho de dizer que somos filhos dessa cidade".  

Com gazetaweb.com    

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247