Em Minas, mortes por gripe sobem 20% em uma semana

A Secretaria de Saúde de Minas Gerais divulgou um balanço apontando que as mortes por gripe em Minas Gerais chegaram a 94 em 2016, número 20% maior do que o registro da última semana; de acordo com a pasta, dos subtipos do vírus Influenza, que foi o causador dos 94 óbitos, o H1N1 é o que mais se destaca, causando 59 mortes; segundo o balanço, a quantidade de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) chegou a 3.781 desde janeiro, sendo 324 relacionados ao vírus Influenza

A Secretaria de Saúde de Minas Gerais divulgou um balanço apontando que as mortes por gripe em Minas Gerais chegaram a 94 em 2016, número 20% maior do que o registro da última semana; de acordo com a pasta, dos subtipos do vírus Influenza, que foi o causador dos 94 óbitos, o H1N1 é o que mais se destaca, causando 59 mortes; segundo o balanço, a quantidade de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) chegou a 3.781 desde janeiro, sendo 324 relacionados ao vírus Influenza
A Secretaria de Saúde de Minas Gerais divulgou um balanço apontando que as mortes por gripe em Minas Gerais chegaram a 94 em 2016, número 20% maior do que o registro da última semana; de acordo com a pasta, dos subtipos do vírus Influenza, que foi o causador dos 94 óbitos, o H1N1 é o que mais se destaca, causando 59 mortes; segundo o balanço, a quantidade de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) chegou a 3.781 desde janeiro, sendo 324 relacionados ao vírus Influenza (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - A Secretaria de Saúde de Minas Gerais divulgou um balanço apontando que as mortes por gripe em Minas Gerais chegaram a 94 em 2016, número 20% maior do que o registro da última semana. De acordo com a pasta, dos subtipos do vírus Influenza, que foi o causador dos 94 óbitos, o H1N1 é o que mais se destaca, causando 59 mortes.

Segundo o balanço, a quantidade de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) chegou a 3.781 desde janeiro, sendo 324 relacionados ao vírus Influenza. A cidade com o maior número de mortes é Campo Belo, no Centro-Oeste de Minas - forma cinco óbitos, todos eles relacionados ao H1N1. 

Neste ano ds dados de mortes superam em mais de seis vezes os registros de 2015, quando foram registrados 15 casos de SRAG que evoluíram para óbito por conta do vírus Influenza. O número total de casos da síndrome provocada pelo mesmo vírus chegou a 90 no ano passado, três vezes menos que os 324 deste ano. 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247