Emerson deixa o PT para comandar o Rede em Sergipe

O vereador Emerson Costa anunciou nesta quarta (23) que deixará o Partido dos Trabalhadores e se filiará à mais nova legenda do país, a Rede Sustentabilidade, sigla criada pela ex-senadora Marina Silva, cujo registro foi aprovado ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral; "A Rede Sustentabilidade defende valores sólidos, é um partido diferente. Nós vamos construir uma nova política, a boa política. Deixo o Partido dos Trabalhadores, mas não deixo a vida política, não deixarei, jamais, de exercer minha cidadania”, afirmou

O vereador Emerson Costa anunciou nesta quarta (23) que deixará o Partido dos Trabalhadores e se filiará à mais nova legenda do país, a Rede Sustentabilidade, sigla criada pela ex-senadora Marina Silva, cujo registro foi aprovado ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral; "A Rede Sustentabilidade defende valores sólidos, é um partido diferente. Nós vamos construir uma nova política, a boa política. Deixo o Partido dos Trabalhadores, mas não deixo a vida política, não deixarei, jamais, de exercer minha cidadania”, afirmou
O vereador Emerson Costa anunciou nesta quarta (23) que deixará o Partido dos Trabalhadores e se filiará à mais nova legenda do país, a Rede Sustentabilidade, sigla criada pela ex-senadora Marina Silva, cujo registro foi aprovado ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral; "A Rede Sustentabilidade defende valores sólidos, é um partido diferente. Nós vamos construir uma nova política, a boa política. Deixo o Partido dos Trabalhadores, mas não deixo a vida política, não deixarei, jamais, de exercer minha cidadania”, afirmou (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sergipe 247 - O vereador Emerson Costa anunciou nesta quarta-feira (23) que deixará o Partido dos Trabalhadores e se filiará à mais nova legenda do país, a Rede Sustentabilidade, sigla criada pela ex-senadora Marina Silva, cujo registro foi aprovado ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Ao falar da sua trajetória política, Emerson afirmou que sua história no PT, desde o início, sempre se deu de maneira respeitosa e em coerência aos valores historicamente defendidos pelo partido. “Nunca militei na mesma tendência que Marcelo Déda, mas sempre tivemos uma relação de admiração e respeito mútuos”, disse ele, em referência ao ex-governador. O parlamentar citou ainda seus dois companheiros de bancada, os vereadores Emanuel Nascimento e Iran Barbosa, “dois nomes que honram o parlamento municipal”.

Lamentando o fato dos partidos políticos se conduzirem de maneira antidemocrática, já que “os partidos têm seus donos”, o parlamentar afirmou que sua filiação à Rede Sustentabilidade, com cuja construção o vereador já estava envolvido há três anos, é mais um desafio, “o de consolidar uma nova alternativa política para o país, para o estado e para os municípios”.

O vereador, ainda lembrou do descrédito dos partidos e da classe política no Brasil devido ao nepotismo e mais especialmente, segundo ele, devido à corrupção. “A Rede Sustentabilidade defende valores sólidos, é um partido diferente. Nós vamos construir uma nova política, a boa política. Deixo o Partido dos Trabalhadores, mas não deixo a vida política, não deixarei, jamais, de exercer minha cidadania”, afirmou.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247