Entra em vigor cobrança de 50% na segunda passagem de ônibus

O usuário que não for estudante terá de pagar 50% da tarifa de ônibus em Porto Alegre, o que representa R$ 2,02, pois entrou em vigor o decreto que alterou a isenção da segunda passagem de ônibus na capital; antes os usuários de transporte com cartão TRI não tinham o valor da tarifa descontado quando a segunda viagem começasse 30 minutos após a primeira

2014.01.20 - Porto Alegre/RS/Brasil - Ônibus do eixo Sul/Sudeste na avenida Salgado Filho. Foto: 
2014.01.20 - Porto Alegre/RS/Brasil - Ônibus do eixo Sul/Sudeste na avenida Salgado Filho. Foto:  (Foto: Leonardo Lucena)

Rio Grande do Sul 247 - O usuário que não for estudante terá de pagar 50% da tarifa de ônibus em Porto Alegre, o que representa R$ 2,02, pois entrou em vigor neste domingo (27) o decreto que alterou a isenção da segunda passagem de ônibus em Porto Alegre. Antes os usuários de transporte com cartão TRI não tinham o valor da passagem descontado quando a segunda viagem começasse 30 minutos após a primeira.

Com o pagamento de metade do preço da passagem, o objetivo da medida é reduzir o impacto do benefício em futuros reajustes da tarifa de ônibus, de acordo com a prefeitura. O executivo informou que atualmente a isenção que mais pesa no cálculo do aumento é a segunda passagem gratuita, que representa R$ 0,51 na tarifa, ou seja, 13%. O relato foi publicado no G1.

A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) estima que o decreto atingirá 51 mil passageiros por dia, número que representa 11% dos usuários do transporte coletivo.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247