"Erroneamente, o PT e Dilma anteciparam o debate"

Avaliação é da pré-candidata ao Governo da Bahia e e entusiasta da candidatura de Eduardo Campos à presidência da República, Lídice da Mata, do PSB; Foi um erro essa antecipação e é um absurdo essa insistência em ficar discutindo o assunto. A imprensa insiste em antecipar cenários, que ainda estão se formando e não têm prazo para serem definidos. A antecipação do debate eleitoral serviu para dificultar as relações entre os partidos. Não era o momento"

Avaliação é da pré-candidata ao Governo da Bahia e e entusiasta da candidatura de Eduardo Campos à presidência da República, Lídice da Mata, do PSB; Foi um erro essa antecipação e é um absurdo essa insistência em ficar discutindo o assunto. A imprensa insiste em antecipar cenários, que ainda estão se formando e não têm prazo para serem definidos. A antecipação do debate eleitoral serviu para dificultar as relações entre os partidos. Não era o momento"
Avaliação é da pré-candidata ao Governo da Bahia e e entusiasta da candidatura de Eduardo Campos à presidência da República, Lídice da Mata, do PSB; Foi um erro essa antecipação e é um absurdo essa insistência em ficar discutindo o assunto. A imprensa insiste em antecipar cenários, que ainda estão se formando e não têm prazo para serem definidos. A antecipação do debate eleitoral serviu para dificultar as relações entre os partidos. Não era o momento" (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247

Entusiasta da candidatura do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, à presidência da República, a senadora Lídice da Mata, do PSB, critica a "antecipação" do debate eleitoral por parte do PT com a confirmação prévia da candidatura de reeleição da presidente Dilma Rousseff.

"Erroneamente, o PT e a presidente Dilma Rousseff anteciparam o debate eleitoral. Foi um erro essa antecipação e é um absurdo essa insistência em ficar discutindo o assunto. A imprensa insiste em antecipar cenários, que ainda estão se formando e não têm prazo para serem definidos", disse a senadora em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia.

Possível candidata mais bem avaliada da base governista nas pesquisas de intenção de voto para o Governo da Bahia, Lídice rejeita também a tese de que as candidaturas só podem ser consideradas 'legítimas' com aval do governador Jaques Wagner (PT).

Para a pré-candidata ao governo estadual, existe uma disputa interna na base de Wagner que resultará na unidade ou até mesmo em mais de uma candidatura. A senadora insiste nos males que a antecipação do debate traz à própria base. "A antecipação do debate eleitoral serviu para dificultar as relações entre os partidos. Não era o momento".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email