Escolha de novo líder de Pimentel na Assembleia aguarda acordo com o MDB

Defensor para que a escolha leve em conta o entendimento com o MDB é o deputado Durval Ângelo (PT), eleito conselheiro do Tribunal de Contas de Minas; executiva do MDB mineiro foi desfeita e o presidente estadual e vice-governador Antônio Andrade foi substituído; intervenção torna possível o retorno do diálogo entre a sigla e o governador Fernando Pimentel (PT)

Escolha de novo líder de Pimentel na Assembleia aguarda acordo com o MDB
Escolha de novo líder de Pimentel na Assembleia aguarda acordo com o MDB (Foto: Manoel Marques)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 – Tudo indica que o novo líder do governador Fernando Pimentel (PT) na Assembleia Legislativa será escolhido nos próximos 10 ou 15 dias. Defensor para que a escolha leve em conta o entendimento com o MDB é o deputado estadual Durval Ângelo (PT), que deixa o cargo depois de ter o nome aprovado pelos pares da Assembleia para ocupar cargo vitalício no Tribunal de Contas do Estado (TCE-MG). 

 “Estamos esperando uma definição do MDB, há uma possibilidade concreta de acordo para as eleições e a indicação do líder pode até ser instrumento de negociação”, afirmou. O líder defendeu que seu posto entre nas conversas. “Hoje o foco todo é a reeleição do governador Fernando Pimentel, temos de usar todas as armas”, afirmou. Durval Ângelo.

O MDB de Minas sofreu intervenção da executiva nacional, que substituiu o presidente estadual, o vice-governador Antônio Andrade, pelo deputado federal Saraiva Felipe no comando do partido. Essa troca fez as conversas com Pimentel ficarem mais possíveis. 
Leia reportagem na íntegra aqui.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247