Estudante fica ferida durante ocupação da PUCRS

Estudantes da Faculdade de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e seguranças da instituição entraram em confronto durante tentativa de ocupação do local; uma aluna foi ferida na cabeça por um dos guardas; estudantes protestam contra os ajustes propostos na PEC 55 do governo Michel Temer (PMDB), além de aumento de mensalidade, ameaças de cortes no ProUni e problemas com repasses do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil)

Estudantes da Faculdade de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e seguranças da instituição entraram em confronto durante tentativa de ocupação do local; uma aluna foi ferida na cabeça por um dos guardas; estudantes protestam contra os ajustes propostos na PEC 55 do governo Michel Temer (PMDB), além de aumento de mensalidade, ameaças de cortes no ProUni e problemas com repasses do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil)
Estudantes da Faculdade de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e seguranças da instituição entraram em confronto durante tentativa de ocupação do local; uma aluna foi ferida na cabeça por um dos guardas; estudantes protestam contra os ajustes propostos na PEC 55 do governo Michel Temer (PMDB), além de aumento de mensalidade, ameaças de cortes no ProUni e problemas com repasses do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil) (Foto: Paulo Emílio)

Sul21Estudantes da Faculdade de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) tentaram ocupar o prédio na noite desta quarta-feira (9). No local, funcionam os cursos de Jornalismo, Cinema, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda. Seguranças da instituição, no entanto, barraram o movimento dos alunos. Na confusão, uma aluna foi ferida na cabeça por um dos guardas.

O coordenador do curso de Jornalismo, Fábian Chelkanoff, tentou mediar a situação entre estudantes e seguranças. Apenas duas salas seguiram ocupadas, apesar do prédio ter sido fechado pela segurança.

Uma reunião entre estudantes, pró-reitoria e o coordenador da Faculdade de Comunicação foi realizada no final da noite para decidir se os alunos serão autorizados a seguir com a ocupação. Ainda não há consenso a respeito.

Os estudantes decidiram pela ocupação após uma assembleia entre os cursos de Letras e Comunicação. Apesar da PUCRS ser uma universidade privada, os alunos protestam contra os ajustes propostos na PEC 55 do governo Michel Temer (PMDB), além de aumento de mensalidade, ameaças de cortes no ProUni e problemas com repasses do FIES (Fundo de Financiamento Estudantil).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247