Ex-prefeitos de Carpina e Lagoa do Carro são alvos de ação policial

Prefeitos dos municípios pernambucanos de Carpina e Lagoa do Carro, localizados na Zona da Mata Norte do Estado, são alvos da Operação Fraus, deflagrada pela Polícia Civil para apurar crimes de fraudes em licitações, falsidade ideológica, peculato, corrupção, associação criminosa e lavagem de dinheiro; operação tem como alvos principais o ex-prefeito de Carpina Carlos Vicente de Arruda Silva, conhecido por Carlos do Moinho, e Antônio Carlos Guerra Barreto, conhecido como Tota Barreto, ex-prefeito de Lagoa do Carro e atual vereador de Carpina

Prefeitos dos municípios pernambucanos de Carpina e Lagoa do Carro, localizados na Zona da Mata Norte do Estado, são alvos da Operação Fraus, deflagrada pela Polícia Civil para apurar crimes de fraudes em licitações, falsidade ideológica, peculato, corrupção, associação criminosa e lavagem de dinheiro; operação tem como alvos principais o ex-prefeito de Carpina Carlos Vicente de Arruda Silva, conhecido por Carlos do Moinho, e Antônio Carlos Guerra Barreto, conhecido como Tota Barreto, ex-prefeito de Lagoa do Carro e atual vereador de Carpina
Prefeitos dos municípios pernambucanos de Carpina e Lagoa do Carro, localizados na Zona da Mata Norte do Estado, são alvos da Operação Fraus, deflagrada pela Polícia Civil para apurar crimes de fraudes em licitações, falsidade ideológica, peculato, corrupção, associação criminosa e lavagem de dinheiro; operação tem como alvos principais o ex-prefeito de Carpina Carlos Vicente de Arruda Silva, conhecido por Carlos do Moinho, e Antônio Carlos Guerra Barreto, conhecido como Tota Barreto, ex-prefeito de Lagoa do Carro e atual vereador de Carpina (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 - Os prefeitos dos municípios pernambucanos de Carpina e Lagoa do Carro, localizados na Zona da Mata Norte do Estado, são alvos da Operação Fraus, deflagrada pela Polícia Civil para apurar crimes de fraudes em licitações, falsidade ideológica, peculato, corrupção, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Estão sendo cumpridos cinco mandados de prisão e 14 de busca e apreensão, além de seis mandados de condução coercitiva. Na operação, que tem como alvos principais o ex-prefeito de Carpina Carlos Vicente de Arruda Silva, conhecido por Carlos do Moinho, e Antônio Carlos Guerra Barreto, conhecido como Tota Barreto, ex-prefeito de Lagoa do Carro e atual vereador de Carpina, foram empregados 102 policiais civis.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247