Exército confirma que monitora manifestações

“A atividade de inteligência tem respaldo legal. O Exército tem sido empregado frequentemente nas operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). A utilização permanente da inteligência tem assegurado a eficácia nas operações, o emprego proporcional da Força e minimizado os efeitos colaterais na população”, diz nota divulgada pelas Forças Armadas; “O acompanhamento de manifestações de rua em nosso país está inserido no contexto das Operações de Inteligência”; recentemente, um agente se infiltrou entre estudantes, fazendo com que fossem presos ilegalmente

“A atividade de inteligência tem respaldo legal. O Exército tem sido empregado frequentemente nas operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). A utilização permanente da inteligência tem assegurado a eficácia nas operações, o emprego proporcional da Força e minimizado os efeitos colaterais na população”, diz nota divulgada pelas Forças Armadas; “O acompanhamento de manifestações de rua em nosso país está inserido no contexto das Operações de Inteligência”; recentemente, um agente se infiltrou entre estudantes, fazendo com que fossem presos ilegalmente
“A atividade de inteligência tem respaldo legal. O Exército tem sido empregado frequentemente nas operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). A utilização permanente da inteligência tem assegurado a eficácia nas operações, o emprego proporcional da Força e minimizado os efeitos colaterais na população”, diz nota divulgada pelas Forças Armadas; “O acompanhamento de manifestações de rua em nosso país está inserido no contexto das Operações de Inteligência”; recentemente, um agente se infiltrou entre estudantes, fazendo com que fossem presos ilegalmente (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SP 247 – Em nota enviada ao portal G1, as Forças Armadas confirmaram que monitoram manifestações de rua, que pedem a saída de Michel Temer do poder.

“A atividade de inteligência tem respaldo legal. O Exército tem sido empregado frequentemente nas operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). A utilização permanente da inteligência tem assegurado a eficácia nas operações, o emprego proporcional da Força e minimizado os efeitos colaterais na população”, diz a nota das Forças Armadas. “O acompanhamento de manifestações de rua em nosso país está inserido no contexto das Operações de Inteligência”, continua o comunicado da assessoria do Exército.

Recentemente, o capitão Willian Botelho se infiltrou num grupo de jovens que participavam de protestos, passando-se como "Balta Nunes", e fez com que todos fossem presos ilegalmente, porque, supostamente, poderiam vir a causar danos ao patrimônio.

Sobre esse caso, o Exército não se pronunciou. “No caso específico ocorrido recentemente na cidade de São Paulo/SP, envolvendo oficial, o Exército Brasileiro aguarda a conclusão do processo administrativo, já instaurado pelo Comando Militar do Sudeste”, informa trecho da nota.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247