Fake news tenta derrubar candidatura Marília, segundo Teresa Leitão

Colunistas pernambucanos disseram que a informação teria vindo da deputada estadual Teresa Leitão, que também integra o Diretório Nacional do PT; a deputada, no entanto, negou em nota ter repassado tal informação e ressaltou inclusive que a decisão é tecnicamente impossível, uma vez que a decisão do partido só será tomada nesta quinta 2; confira a nota de Teresa Leitão

Fake news tenta derrubar candidatura Marília, segundo Teresa Leitão
Fake news tenta derrubar candidatura Marília, segundo Teresa Leitão (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Pernambuco 247 - Veículos de comunicação de Pernambuco estão noticiando nesta quarta-feira 1º que o PT abriu mão da pré-candidatura de Marília Arraes ao governo do Estado em troca de um acordo nacional com o PSB, que sinalizaria "neutralidade" no cenário da disputa presidencial.

Colunistas pernambucanos disseram que a informação teria vindo da deputada estadual Teresa Leitão, que também integra o Diretório Nacional do PT.

A deputada, no entanto, negou em nota ter repassado tal informação e ressaltou inclusive que a decisão é tecnicamente impossível, uma vez que a decisão formal só sairá do Encontro Estadual do PT, a ser realizado nesta quinta 2.

NOTA DA DEPUTADA ESTADUAL TERESA LEITÃO

Esclareço que a matéria veiculada em Blog local de que eu teria sido portadora da notícia sobre a retirada da pré-candidatura de Marília Arraes ao Governo de Pernambuco é falsa, não procede.

Só quem pode tomar essa posição é o Encontro Estadual do PT, que será realizado amanhã, dia 2 de agosto.

Desde o início deste processo, a candidatura de Marília Arraes e seus apoiadores enfrentam uma grande oposição de setores do PT que defendem a aliança com o PSB.

Reitero a importância do respeito ao encontro como instância partidária e aproveito para lamentar o comportamento daqueles que estão proliferando a notícia do referido Blog em vários grupos de WhatsApp do PT e fora do PT.

Teresa Leitão

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247