Francisco Jr. quer transparência na divulgação de vagas de UTI

O deputado explica que a necessidade da transparência é algo que vêm apoiar o Estado e também tornar claro para o paciente onde estão os leitos e suas ocupações; “Fizemos uma audiência pública onde envolvemos a saúde do estado, da prefeitura e eles pediram alguns ajustes para dar transparência também na disponibilidade dos leitos de UTI, esse é o ponto mais significativo dessa mudança”, explica Francisco Jr

francisco junior
francisco junior (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Os deputados estaduais estão analisando um projeto de lei que garante a transparência nos leitos de UTI do Estado. Francisco Jr. (PSD) que é autor do projeto destaca que esse foi um pedido originado em uma Audiência Pública realizada na Assembleia e que debateu a lei da transparência para cirurgias eletivas.

O deputado explica que a necessidade da transparência é algo que vêm apoiar o Estado e também tornar claro para o paciente onde estão os leitos e suas ocupações. “Fizemos uma audiência pública onde envolvemos a saúde do estado, da prefeitura e eles pediram alguns ajustes para dar transparência também na disponibilidade dos leitos de UTI, esse é o ponto mais significativo dessa mudança”, explica Francisco Jr.

O parlamentar destaca ainda que com a transparência no serviço de saúde, situações como as que aconteceram em 2017 terão mais atenção, “Acompanhamos no ano passado fatos em que a Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou que a cidade de Goiânia possui número de leitos suficientes para atender a população, e o que víamos eram cada vez mais procura por UTI’s”, finalizou ele.

Alteração

A proposta em tramitação altera a Lei N•19.792/2017 que garante a transparência das filas do SUS, sobre exames de alta complexidade e cirurgias eletivas, já em vigor em Goiás, e que também foi proposta pelo deputado estadual Francisco Jr.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247