Fundos captam R$ 320 mi para investimentos em Goiás

Riviera Investimentos, em parceria com a empresa goiana Valor Invest, investe na construção de um hotel com 400 unidades e centro de convenções com capacidade para 1,2 mil pessoas na área do complexo hoteleiro do Rio Quente Resorts; objetivo é de expandir as instalações com investimentos expressivos até 2020; fundos também se preparam para construção de um Centro de Distribuição e Logística em Anápolis

Riviera Investimentos, em parceria com a empresa goiana Valor Invest, investe na construção de um hotel com 400 unidades e centro de convenções com capacidade para 1,2 mil pessoas na área do complexo hoteleiro do Rio Quente Resorts; objetivo é de expandir as instalações com investimentos expressivos até 2020; fundos também se preparam para construção de um Centro de Distribuição e Logística em Anápolis
Riviera Investimentos, em parceria com a empresa goiana Valor Invest, investe na construção de um hotel com 400 unidades e centro de convenções com capacidade para 1,2 mil pessoas na área do complexo hoteleiro do Rio Quente Resorts; objetivo é de expandir as instalações com investimentos expressivos até 2020; fundos também se preparam para construção de um Centro de Distribuição e Logística em Anápolis (Foto: Realle Palazzo-Martini)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - A gestora Riviera Investimentos, em parceria com a empresa goiana Valor Invest, capta R$ 320 milhões para projetos no Estado de Goiás. O primeiro trata-se de um fundo imobiliário que captará R$ 200 milhões, ao investir no complexo hoteleiro do Rio Quente Resorts, situado em Caldas Novas em atividade há 50 anos. Por meio desta captação, irá expandir as instalações com investimentos expressivos até 2020.

O primeiro objetivo é captar recursos para financiar a construção de um hotel com 400 unidades e centro de convenções com capacidade para 1,2 mil pessoas na área do complexo hoteleiro do Rio Quente. O centro de convenções é a grande novidade do projeto. Os recursos captados junto aos investidores institucionais, por meio das cotas do FII Riviera Rio Quente Resorts, serão aplicados apenas no hotel, que é de onde será originada a rentabilidade do fundo. Este é um indicativo importante para a tomada de decisão por parte dos investidores.

Para isso, irá captar recursos financeiros junto a investidores institucionais por meio de um Fundo de Investimento Imobiliário (FII). A Riviera Investimentos (www.rivierainvestimentos.com.br) é a gestora do FII Riviera Rio Quente Resorts e a captação é conduzida pela Distribuidora Socopa (www.socopa.com.br) e conta com a parceria da Valor Invest, empresa genuinamente goiana, cujo principal executivo é o economista Sandro Belo, atua na distribuição de ativos financeiros.

Segundo o mesmo, um dos pilares da Valor Invest é oferecer aos investidores goianos ativos financeiros prioritariamente lastreados em projetos da economia real do Estado de Goiás. O objetivo é primeiramente reter parte da poupança gerada na economia e atrair a poupança de outros estados e mesmo países para tais projetos. Sempre respeitando os princípios de rentabilidade, baixo risco e alta governança.

Contam a favor do empreendimento a taxa de ocupação anual, entre outros fatores. O complexo é conhecido e frequentado pelos turistas de todo o país e possui uma das maiores taxas de ocupação ao longo do ano, o que projeta uma excelente ocupação para o novo hotel do complexo.
O grupo Rio Quente é o 30º no ranking das marcas hoteleiras, com 1.079 apartamentos em sete hotéis.

Fundo imobiliário DHL
O outro projeto a ser lançado pelas mesmas instituições será um fundo imobiliário cujos principais ativos serão Centros de Distribuição e Logística (CD) a serem locados pela DHL (Correios da Alemanha) e um dos principais empreendimentos será um a construção da estrutura em Anápolis. Este projeto trará cerca de R$ 100 milhões.

Soma-se também o montante de R$ 25 milhões do primeiro FIDC genuinamente goiano a operar no mercado financeiro e que tem como foco a aquisição de direitos creditórios (cheques e duplicatas), ofertando credito para pequenas e medias empresas. Este fundo conta com a Goiás Fomento no seu quadro de cotistas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247