Furto de gado é frustrado pela PM em Arraias

Policiais militares da 1ª Companhia Independente em Arraias conseguiram frustrar um furto de gado na tarde do último domingo, 16; uma pessoa foi presa em flagrante; segundo informações da PM, os militares foram acionados por testemunha que viu uma caminhonete parada na Rodovia TO 242, com oito bezerros na carroceria e que estes eram da propriedade em que a testemunha trabalhava; condutor informou que estava de posse dos animais porque foi contratado para levá-los à cidade de Monte Alegre, em Goiás, por uma pessoa, da qual não sabia o nome, mas que viajava com ele e fugiu no momento que o veículo quebrou

Furto de gado é frustrado pela PM em Arraias
Furto de gado é frustrado pela PM em Arraias (Foto: PM-TO/Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 - Policiais militares da 1ª Companhia Independente em Arraias conseguiram frustrar um furto de gado na tarde do último domingo, 16. Uma pessoa foi presa em flagrante.

Os militares foram acionados por testemunha que viu uma caminhonete parada na Rodovia TO 242, com oito bezerros na carroceria e que estes eram da propriedade em que a testemunha trabalhava.

O proprietário foi até o local e reconheceu os animais como sendo seus, afirmando que os bezerros saíram das terras sem sua permissão.

O condutor informou que estava de posse dos animais porque foi contratado para levá-los à cidade de Monte Alegre, em Goiás, por uma pessoa, da qual não sabia o nome, mas que viajava com ele e fugiu no momento que o veículo quebrou. A vítima e o autor foram conduzidos para a Delegacia de Polícia.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email