Geddel é reeleito presidente do PMDB baiano

O diretório estadual do PMDB decidiu por unanimidade nesta quarta-feira que Geddel Vieira Lima continuará na presidência do partido da Bahia; ele disse que "o grande desafio nesse mandato é, junto com a Fundação Ulisses Guimarães, formar um grupo de estudo da sociedade para que seja possível contribuir ao debate nacional e local"; "A luta política é importante e estamos fazendo isso, mas o Brasil real precisa ser discutido, ser debatido. A economia está aí se deteriorando, se fragilizado e a Bahia com graves problemas"

O diretório estadual do PMDB decidiu por unanimidade nesta quarta-feira que Geddel Vieira Lima continuará na presidência do partido da Bahia; ele disse que "o grande desafio nesse mandato é, junto com a Fundação Ulisses Guimarães, formar um grupo de estudo da sociedade para que seja possível contribuir ao debate nacional e local"; "A luta política é importante e estamos fazendo isso, mas o Brasil real precisa ser discutido, ser debatido. A economia está aí se deteriorando, se fragilizado e a Bahia com graves problemas"
O diretório estadual do PMDB decidiu por unanimidade nesta quarta-feira que Geddel Vieira Lima continuará na presidência do partido da Bahia; ele disse que "o grande desafio nesse mandato é, junto com a Fundação Ulisses Guimarães, formar um grupo de estudo da sociedade para que seja possível contribuir ao debate nacional e local"; "A luta política é importante e estamos fazendo isso, mas o Brasil real precisa ser discutido, ser debatido. A economia está aí se deteriorando, se fragilizado e a Bahia com graves problemas" (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - O diretório estadual do PMDB decidiu por unanimidade nesta quarta-feira (21) Geddel Vieira Lima continuará na presidência do partido da Bahia. Os vice-presidentes escolhidos são os deputados estaduais Pedro Tavares e Leur Lomanto Jr; e Joélcio Martins da Silva.

Geddel disse que "o grande desafio nesse mandato é, junto com a Fundação Ulisses Guimarães, formar um grupo de estudo da sociedade para que seja possível contribuir ao debate nacional e local".

"A luta política é importante e estamos fazendo isso, mas o Brasil real precisa ser discutido, ser debatido. A economia está ai se deteriorando, se fragilizado e a Bahia com graves problemas".

Ele destaca como "outro ponto importante nesse mandato" ampliar a atuação do partido na capital e no interior.

"Estamos com diretório em Salvador, algo novo depois de muito tempo, queremos aumentar nossas zonais, fazer com que o partido tenha chapas fortes nas disputas municipais e, sobretudo, fortalecer o movimento do partido. Estamos com movimento da Diversidade LGBT, movimento Afro, da Juventude, estamos com um núcleo Sindical. Queremos fazer com que o PMDB da Bahia seja um núcleo nacional dentro partido para discussão de tese".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247