Governador mantém funcionamento da Fenagro

Após a prefeitura interditar o Parque de Exposições, o governador Rui Costa determinou que o espaço continuasse aberto para a realização da Fenagro nesta segunda-feira; "A Secretaria de Agricultura (Seagri) intermediará o diálogo entre a organização do evento e o município para que os entraves sejam desfeitos. O mais importante é que seja estabelecido um acordo para não prejudicar o agronegócio baiano", disse Rui; em nota, a Seagri informou que foi aberta a apuração das circunstâncias que provocaram a morte de um cavalo por choque elétrico na madrugada desta segunda

Após a prefeitura interditar o Parque de Exposições, o governador Rui Costa determinou que o espaço continuasse aberto para a realização da Fenagro nesta segunda-feira; "A Secretaria de Agricultura (Seagri) intermediará o diálogo entre a organização do evento e o município para que os entraves sejam desfeitos. O mais importante é que seja estabelecido um acordo para não prejudicar o agronegócio baiano", disse Rui; em nota, a Seagri informou que foi aberta a apuração das circunstâncias que provocaram a morte de um cavalo por choque elétrico na madrugada desta segunda
Após a prefeitura interditar o Parque de Exposições, o governador Rui Costa determinou que o espaço continuasse aberto para a realização da Fenagro nesta segunda-feira; "A Secretaria de Agricultura (Seagri) intermediará o diálogo entre a organização do evento e o município para que os entraves sejam desfeitos. O mais importante é que seja estabelecido um acordo para não prejudicar o agronegócio baiano", disse Rui; em nota, a Seagri informou que foi aberta a apuração das circunstâncias que provocaram a morte de um cavalo por choque elétrico na madrugada desta segunda (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Após a prefeitura interditar o Parque de Exposições, na Avenida Paralela, em Salvador, o governador Rui Costa determinou que o espaço continuasse aberto para a realização da Fenagro nesta segunda-feira (30). 

"A Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri) intermediará o diálogo entre a organização do evento e o município para que os entraves sejam desfeitos. O mais importante é que seja estabelecido um acordo para não prejudicar o agronegócio baiano", disse Rui.

Até que o alvará exigido pela prefeitura seja liberado, o Parque de Exposições continuará aberto para a continuidade da feira, que deve deve movimentar cerca de R$ 100 milhões na economia baiana até o próximo domingo (6).

Em nota à imprensa, Seagri informou que foi aberta a apuração das circunstâncias que provocaram a morte de um cavalo por choque elétrico na madrugada desta segunda. O animal estava em uma baia móvel, montada por uma empresa contratada pela organização da Fenagro 2015.

"Imediatamente após tomar conhecimento da morte do animal, entrei em contato com a organização da Fenagro e determinei a apuração rigorosa do fato, com o objetivo de identificar os responsáveis pela falha no sistema elétrico. Nossa prioridade é garantir a segurança das pessoas e dos animais que participam do evento no Parque de Exposições e vamos continuar acompanhando esse caso de perto", afirmou o titular da Seagri, Vitor Bonfim.

O problema elétrico foi solucionado e a organização da Fenagro garantiu tomar as medidas cabíveis para responsabilizar a empresa que montou as baias móveis na tradicional feira da agropecuária baiana, realizada há 28 anos no Centro de Exposições de Salvador.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247