Governo amplia oferta de energia em Itaberaí e região

Governador Marconi Perillo inaugurou a nova subestação da Celg no município, por meio de uma Parceria Público Privada com o grupo SSA Alimentos, holding controladora da Super Frango; obra beneficia indiretamente 40 municípios da região porque vai amenizar a sobrecarga na distribuição, responsável por provocar quedas de energia; na ampliação da subestação e da rede elétrica de alta tensão foram aplicados R$ 25 milhões; além da construção de 50 quilômetros de rede distribuição, beneficiando 74 propriedades rurais, a área construída da subestação passou de 12 mil para 38 mil metros quadrados

Governador Marconi Perillo inaugurou a nova subestação da Celg no município, por meio de uma Parceria Público Privada com o grupo SSA Alimentos, holding controladora da Super Frango; obra beneficia indiretamente 40 municípios da região porque vai amenizar a sobrecarga na distribuição, responsável por provocar quedas de energia; na ampliação da subestação e da rede elétrica de alta tensão foram aplicados R$ 25 milhões; além da construção de 50 quilômetros de rede distribuição, beneficiando 74 propriedades rurais, a área construída da subestação passou de 12 mil para 38 mil metros quadrados
Governador Marconi Perillo inaugurou a nova subestação da Celg no município, por meio de uma Parceria Público Privada com o grupo SSA Alimentos, holding controladora da Super Frango; obra beneficia indiretamente 40 municípios da região porque vai amenizar a sobrecarga na distribuição, responsável por provocar quedas de energia; na ampliação da subestação e da rede elétrica de alta tensão foram aplicados R$ 25 milhões; além da construção de 50 quilômetros de rede distribuição, beneficiando 74 propriedades rurais, a área construída da subestação passou de 12 mil para 38 mil metros quadrados (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Um antigo problema, que travava o desenvolvimento de Itaberaí – constantes quedas de energia elétrica - a partir desta quarta-feira deixa de existir. O governador Marconi Perillo inaugurou a nova subestação da Celg no município, por meio de uma Parceria Público Privada com o grupo SSA Alimentos, holding controladora da Super Frango. A obra beneficia indiretamente 40 municípios da região, porque vai amenizar a sobrecarga na distribuição, responsável por provocar quedas de energia.

Na ampliação da subestação e da rede elétrica de alta tensão foram aplicados R$ 25 milhões. Além da construção de 50 quilômetros de rede distribuição, beneficiando 74 propriedades rurais, a área construída da subestação passou de 12 mil para 38 mil metros quadrados.

Ao falar de duas ligações com Itaberaí, o governador afirmou que desde que se elegeu deputado já atendia pleitos do município. Informou que o Estado tem em caixa R$ 50 milhões para concluir as obras de duplicação do trecho da GO-070 entre Itaberaí ao trevo de Mossâmedes, nas proximidades da cidade de Goiás. Segundo Marconi, só faltariam as licenças ambientais para concluir a duplicação até a cidade de Goiás. Em relação à duplicação, disse que trata-se de um antigo sonho da população. Ele cumprimentou a direção da Celg, que no ano passado investiu R$ 400 milhões em Goiás. “Isso vai significar energia firme, sem queda”, observou, referindo-se à nova subestação.

O presidente do grupo São Salvador Alimentos, José Garrote, afirmou que as constantes quedas de energia, que tanto prejudicavam a população, empresas e produtores rurais, fazem parte do passado. Garrote também destacou a importância da duplicação da GO-070, um antigo sonho da população. “Região sem acesso, sem energia, sem infraestrutura, não tem como crescer”, disse Garrote. O empresário solicitou ao governador que o Estado assuma as obras de pavimentação da BR-060, permitindo acesso do município à BR-153.

Em sua passagem por Itaberaí, o governador também inaugurou a revitalização da Praça Alamin Gonçalves de Lima, no Setor Neco de Farias, em parceria com a prefeitura local. O governo do estado destinou R$ 300 mil para urbanização do novo espaço público. Também foram aplicados R$ 2 milhões na recuperação da malha urbana, por meio do Rodovida Urbano (da Agetop). Ele fez o anúncio de recursos para obras de esgotamento sanitário. “Isso é respeitar a saúde das pessoas”, discursou Marconi, que prometeu voltar em breve para entregar à população 600 unidades habitacionais e as rodovias que ligam Itaberaí ao distrito de Ordália, unidade da UEG e a duplicação da GO-070 até o trevo de Mossâmedes.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247