Governo de AL lança plano dos direitos LGBT

O governo de Alagoas lançou o Plano Estadual de Políticas Públicas à População LGBT, para desenvolver ações que atendam às necessidades de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais; o plano foi elaborado com a participação popular, sob coordenação do Conselho Estadual de Combate à Discriminação e Promoção de direitos LGBT de Alagoas; "Esse plano traça políticas importantes para a população LGBT, principalmente em um estado como o nosso, em que a homofobia é tão forte", disse a presidente do conselho LGBT, Rita Mendonça. A solenidade aconteceu no Palácio do Governo, no Centro de Maceió

O governo de Alagoas lançou o Plano Estadual de Políticas Públicas à População LGBT, para desenvolver ações que atendam às necessidades de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais; o plano foi elaborado com a participação popular, sob coordenação do Conselho Estadual de Combate à Discriminação e Promoção de direitos LGBT de Alagoas; "Esse plano traça políticas importantes para a população LGBT, principalmente em um estado como o nosso, em que a homofobia é tão forte", disse a presidente do conselho LGBT, Rita Mendonça. A solenidade aconteceu no Palácio do Governo, no Centro de Maceió
O governo de Alagoas lançou o Plano Estadual de Políticas Públicas à População LGBT, para desenvolver ações que atendam às necessidades de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais; o plano foi elaborado com a participação popular, sob coordenação do Conselho Estadual de Combate à Discriminação e Promoção de direitos LGBT de Alagoas; "Esse plano traça políticas importantes para a população LGBT, principalmente em um estado como o nosso, em que a homofobia é tão forte", disse a presidente do conselho LGBT, Rita Mendonça. A solenidade aconteceu no Palácio do Governo, no Centro de Maceió (Foto: Leonardo Lucena)

Alagoas 247 - O governo de Alagoas lançou, nessa segunda-feira (30), o Plano Estadual de Políticas Públicas à População LGBT, para desenvolver ações que atendam às necessidades de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais. O plano foi elaborado com a participação popular, sob coordenação do Conselho Estadual de Combate à Discriminação e Promoção de direitos LGBT de Alagoas.

"Esse plano traça políticas importantes para a população LGBT, principalmente em um estado como o nosso, em que a homofobia é tão forte", disse a presidente do conselho LGBT, Rita Mendonça. A solenidade aconteceu no Palácio do Governo, no Centro de Maceió.

De acordo com a secretária de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos, Cláudia Simões, uma das ações do plano LGBT é o reconhecimento do nome social das pessoas trans. "Estamos lutando para o reconhecimento do nome social. Na Secretaria da Mulher e na da Saúde já acontece isso, mas queremos que o governador decrete isso para o restante dos órgãos", afirmou.

Dentre as pessoas ligadas à causa LGBT que participaram do evento está Kay Buarque, a primeira trans a ser rainha de uma quadrilha junina. "A Liga de Quadrilhas Juninas [LIQAL] não queria deixar. Para eles era como se eu fosse apenas um homem vestido de mulher. Ainda assim nós fizemos e foi maravilhoso. Não só por ser quadrilha, mas por poder estar lá como eu me sentia. E as pessoas também me respeitavam", disse.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247