Governo diz que realiza 14 obras do Proinveste. Ainda faltam outras 15

Passados quase dois anos desde a aprovação do Proinveste pela Assembleia Legislativa, o governo estadual divulgou nesta segunda (30) um balanço das obras do programa que foram iniciadas; de acordo com texto divulgado pela Secom, três intervenções foram concluídas, 11 estão em andamento, mas ainda faltam ser iniciadas outras 15 obras; a urbanização da orlinha do povoado São Braz, a pavimentação do acesso ao povoado Calumbi, e a implantação da rodovia que liga os povoados Santa Cruz ao São Miguel já foram concluídas e inauguradas; em fase de finalização está o capeamento asfáltico de vias urbanas em Nossa Senhora do Socorro e a terraplanagem do Hospital do Câncer de Sergipe

Passados quase dois anos desde a aprovação do Proinveste pela Assembleia Legislativa, o governo estadual divulgou nesta segunda (30) um balanço das obras do programa que foram iniciadas; de acordo com texto divulgado pela Secom, três intervenções foram concluídas, 11 estão em andamento, mas ainda faltam ser iniciadas outras 15 obras; a urbanização da orlinha do povoado São Braz, a pavimentação do acesso ao povoado Calumbi, e a implantação da rodovia que liga os povoados Santa Cruz ao São Miguel já foram concluídas e inauguradas; em fase de finalização está o capeamento asfáltico de vias urbanas em Nossa Senhora do Socorro e a terraplanagem do Hospital do Câncer de Sergipe
Passados quase dois anos desde a aprovação do Proinveste pela Assembleia Legislativa, o governo estadual divulgou nesta segunda (30) um balanço das obras do programa que foram iniciadas; de acordo com texto divulgado pela Secom, três intervenções foram concluídas, 11 estão em andamento, mas ainda faltam ser iniciadas outras 15 obras; a urbanização da orlinha do povoado São Braz, a pavimentação do acesso ao povoado Calumbi, e a implantação da rodovia que liga os povoados Santa Cruz ao São Miguel já foram concluídas e inauguradas; em fase de finalização está o capeamento asfáltico de vias urbanas em Nossa Senhora do Socorro e a terraplanagem do Hospital do Câncer de Sergipe (Foto: Valter Lima)

247 - Passados quase dois anos desde a aprovação do Proinveste pela Assembleia Legislativa, o governo estadual divulgou nesta segunda-feira (30) um balanço das obras do programa que foram iniciadas. De acordo com texto divulgado pela Secom, três intervenções foram concluídas, 11 estão em andamento. Faltam ser iniciadas outras 15 obras.

A urbanização da orlinha do povoado São Braz, a pavimentação do acesso ao povoado Calumbi, e a implantação da rodovia que liga os povoados Santa Cruz ao São Miguel já foram concluídas e inauguradas. Em fase de finalização está o capeamento asfáltico de vias urbanas em Nossa Senhora do Socorro e a terraplanagem do Hospital do Câncer de Sergipe. 

Já as ações em andamento são: implantação do contorno rodoviário em Itabaianinha e das rodovias que ligam Itabaiana a Itaporanga D’Ajuda e Japoatã a Propriá; recuperação do sistema viário do Centro Administrativo Governador Augusto Franco; desmonte do morro da Piçarreira (obra complementar do aeroporto Santa Maria); urbanização da avenida Euclides Figueiredo e do residencial Santa Tereza e adjacências; drenagem e esgotamento sanitário do corredor viário da avenida Tancredo Campos (no residencial Santa Tereza); mercado de Lagarto; e a contrapartida da construção do Centro Especializado em Reabilitação.

Abaixo matéria da ASN:

“Pode ter certeza que o mercado de Lagarto vai entrar para a história, pois nunca houve um desses aqui”. Essa é a declaração da feirante Aidê Reis sobre o mercado que está sendo reformado e ampliado no município. A estrutura do antigo espaço foi demolida e o novo mercado, erguido com recursos do Proinveste, garante ser moderno e proporcionar a população lagartense um ambiente que una lazer, comodidade e bem estar.

O mercado de Lagarto é uma das 29 obras do Programa, que investe em infraestrutura, saúde e urbanismo em todo o estado. O espaço está previsto para ser inaugurado ainda este ano, e cerca 45% das obras já estão concluídas.

“A organização vai ser outra. Já entrei, vi e percebi que vai ser maravilhoso. Dizem que vai ter tudo, um bocado de coisas boas. E se tiver isso tudo vai ser bom”, relatou Aidê. A feirante, que atua no mercado há muitos anos ao lado de seu marido, o primeiro comerciante do local, tem muito boas expectativas para o novo espaço. Para Aidê, o mercado de hortifrutigranjeiros e comercialização de carnes vai virar ponto turístico e chamar a atenção de todos que chegarem ao município. “Por vida tive orgulho de Lagarto, porém agora vou ficar mais orgulhosa ainda. Quem vai esquecer essa obra? O investimento foi ótimo, nota 10”, destaca.

O morador Givaldo Fraga também gera grandes expectativas para a inauguração do novo mercado. Ele acredita que o espaço moderno de compras vai ser bonito e deve lotar nos primeiros dias de funcionamento. Para o futuro, o lagartense só vê vantagens para o município. “O mercado vai trazer grande desenvolvimento e vai ser melhor para todo mundo”, resume.

A ansiedade em ver como a grande obra vai ficar é algo inerente a muitos comerciantes e também aos moradores de Lagarto. O trabalhador Anderson Silva é um dos que quer saber como tudo vai ficar após a reforma e ampliação do mercado. Para ele, o governo está de parabéns. “Era algo que Lagarto estava precisando. Se já tínhamos orgulho, agora temos mais”, comenta.

Investimento

Com investimentos na ordem de quase R$ 17 milhões, a reforma e ampliação do mercado municipal de Lagarto, a 71 km de Aracaju, segue o cronograma de execução e, muito em breve, a população do município terá à disposição um dos mais modernos mercados edificados do estado. 125 profissionais trabalham dia após dia para garantir a finalização da obra.

Localizado próximo à principal avenida e a uma das mais importantes praças da cidade, o mercado ocupa uma área construída de 9.510,79 m². Erguido em dois pavimentos, ele é dividido em dois setores. Em um, está sendo finalizada a construção de 223 boxes, onde serão comercializadas carnes variadas e pescados. No outro, serão construídos 298 boxes destinados à comercialização de frutas, legumes, verduras e cereais. Há ainda um pavimento superior que permite a vista panorâmica da cidade. No local, dentre os espaços, haverá uma grande praça de alimentação, ponto bancário, posto da Guarda Municipal e banheiros.

Em volta da área externa serão construídos 11 quiosques, estacionamento com 69 vagas para veículos automotores, área para carga e descarga de caminhões, rampas de acessibilidade em todo o entorno, além de projeto paisagístico com implantação de árvores nativas da região. O mercado também vai ter piso de alta resistência, cobertura metálica e dois grandes reservatórios de água. De acordo com o engenheiro fiscal da obra, Marcos Pinheiro, a construção vai servir não só aos moradores de Lagarto, como também os de municípios circunvizinhos, a exemplo de Simão Dias, Poço Verde, Salgado, Boquim, Riachão e São Domingos. “Esse talvez seja um dos melhores mercados do estado. Vai ser um avanço muito grande para a população local e da região”, finaliza.

O governador Jackson Barreto ressalta a importância da obra e fala sobre o uso de recursos neste e em outros investimentos. “O que estamos mostrando ao nosso povo é que o Proinveste está transformando sonhos em realidade, proporcionando obras que há décadas eram esperadas pela população. O mercado de Lagarto dará conforto e comodidade aos comerciantes e lagartenses, movimentando a economia local”, declara o governador Jackson Barreto, lembrando que em 2014 assinou mais de R$ 110 milhões em obras para o município.

Itabaianinha

Outra grande obra financiada com recursos do Proinveste e que vai promover grandes melhorias é a do contorno rodoviário e pavimentação de Itabaianinha. O anel viário vai desviar o tráfego de veículos pesados da sede municipal, garantindo mais segurança aos moradores, pedestres e motoristas. A previsão é que em 30 dias a área esteja totalmente asfaltada, restando apenas a realização dos acabamentos.

A moradora Gisele da Cruz comemora o bom andamento das obras e destaca os transtornos que a circulação de caminhões causa a população de Itabaianinha. “Minha menina só vive gripada. Além disso, acabei de limpar a casa e já está suja novamente. Ainda tem as ruas que ficam esburacadas e os canos que quebram com frequência. Por isso as portas da gente só ficam fechadas”, ressalta. Gisele vislumbra que, após a finalização do contorno a cidade vai ficar mais bonita e vai haver crescimento econômico.

A recicladora Betânia Rodrigues também está muito contente com o anel viário. Ela destaca que o asfalto das ruas da cidade de Itabaianinha está sendo danificado e vai afundando com o decorrer do tempo, pois grandes caçambas que atendem o setor ceramista circulam pela região. O problema da poeira também é uma das questões que a incomoda. “A quantidade de poeira não é brincadeira. Tudo fica sujo”, complementa. A trabalhadora agradece ao governo pela realização da obra e diz que as vantagens são vislumbradas por todos os moradores.

Obras

Segundo o engenheiro fiscal do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária (DER), João Prado, o ritmo da obra está acelerado, e a ideia é concluir tudo antes da chegada do inverno, por conta das chuvas. A pavimentação é a fase atual da intervenção viária. O custo total do contorno é de cerca de R$ 11 milhões, e aproximadamente 120 trabalhadores se empenham para promover a obra.

“O anel viário vai facilitar muito. Só de tirar esse tráfego da cidade, será um grande benefício”, afirma o engenheiro. O contorno conta com 7 km de extensão, sendo que a pista tem 9 m de largura, sendo 6 m de pista de rolamento e 3 m de acostamento.

Hospital do Câncer

Os recursos do Proinveste também foram destinados para a construção do Hospital do Câncer. A unidade especializada de saúde já está com as obras de terraplanagem quase finalizadas. Esta fase, orçada em R$ 12 milhões, serve como preparação do terreno para receber a estrutura do prédio onde funcionará a principal unidade de tratamento de câncer em Sergipe. A partir de agora a licitação para a construção já pode ser iniciada.

“Recebemos no final da semana passada a autorização da Caixa Econômica Federal para licitar a obra física da unidade. A previsão para conclusão da obra será de três anos e faremos a compra dos equipamentos quando a obra estiver próxima da conclusão, para que possamos adquirir os mais modernos. Enquanto isso, para garantir a assistência dos pacientes, um novo acelerador linear será implantado no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), para que os pacientes não fiquem desassistidos”, disse José Sobral, secretário Estadual de Saúde.

Construção

A construção da unidade hospitalar irá possibilitar uma melhoria significativa para os pacientes oncológicos em Sergipe. Ao todo, serão investidos R$ 80 milhões, somente na parte de obra, fora equipamentos. O projeto contempla setores específicos com 30 leitos para internação infantil e 120 leitos para internação de adultos, além de 10 leitos de UTI para os adultos e 10 para crianças.

Para a senhora Licélia Nascimento Santos, que é usuária do sistema público de saúde e realiza tratamento no Huse, por Sergipe possuir uma demanda muito grande de pessoas com câncer, a inauguração do Hospital do Câncer vai suprir uma necessidade latente. “Vai ser um avanço. Sergipe vai sair na frente. Acredito que o hospital vai proporcionar a melhoria do atendimento e que vai agilizar a fila de espera”, frisa.

Dona Terezinha da Conceição está esperançosa com a notícia sobre o Hospital do Câncer e disse que o governo acertou em promover a construção da unidade especializada de saúde. “Isso é bom, pois à medida que temos um hospital maior, há espaço para mais pacientes. Além disso vai ter mais médicos e leitos”, acrescenta.

O médico hematologista Richer Mota também vê grandes vantagens com a implantação do Hospital do Câncer. “A necessidade aqui se tornou maior por conta da demanda que recebemos de pacientes da Bahia e de Alagoas. Então vai ser bom não só para o Estado como para outras regiões”, relata.

O profissional da saúde também destaca que, com a nova e moderna unidade de saúde, vai haver uma equipe multidisciplinar unicamente voltada para o tratamento oncológico, proporcionando o melhor tratamento possível. “Não só com relação aos leitos, mas há vantagens também a respeito dos exames, pois os pacientes do Hospital do Câncer não vão precisar enfrentar filas com pacientes de outros lugares”, alega.

Residencial Santa Tereza

A implantação de área de lazer na duplicação da avenida General Euclides Figueiredo e a urbanização do loteamento Santa Teresa e adjacências já têm mais de 50% de suas obras concluídas. A intervenção, inserida no âmbito do Proinveste, se estende pelos bairros Industrial e Porto D’Anta.

“Esse é um investimento que vai dialogar com a obra de implantação da nova avenida Euclides Figueiredo, no Porto D’Anta, onde iremos fazer, já dentro do projeto de mobilidade urbana, a urbanização de toda aquela área e também uma avenida, com duas pistas, iluminação em toda a área do espaço Chica Chaves. No residencial Santa Tereza vamos ter urbanização, pavimentação, drenagem, ou seja, toda essa obra, desde a Orlinha, vai se encontrar com a obra do residencial Santa Tereza, com a da avenida Euclides Figueiredo, do Porto D’Anta e vamos ter um melhoramento muito grande em toda essa região”, pontuou o governador Jackson Barreto.

Rota do Agreste

Orçada R$ 58.140.592,82, a Rota do Agreste, que interligará a BR-235, nas proximidades do povoado Rio das Pedras, município de Itabaiana (Km 44) e a BR-101, no povoado Aningas, município de Itaporanga D'Ajuda (Km 108,5) segue em ritmo acelerado. Quando concluída, a obra fomentará a economia da região, facilitando o escoamento da produção agrícola regional e encurtando a distância entre os territórios Sul e Agreste Central Sergipano.

Com 52 km de extensão, a rodovia terá duas pontes em seu percurso, uma na altura do Km 21 e outra nas imediações do Km 35. Além dos povoados São José, Mangabeiras e Mangueira, em Itabaiana, a estrada cortará os povoados Boqueirão, Pedrinhas e Serra Comprida (Areia Branca), Ipanema (São Cristóvão), Cajueiro, Garoba, Iraque e Mata do Alecrim, em Itaporanga D'Ajuda.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Valmor Barbosa, os benefícios da rodovia serão incalculáveis. “Essa rodovia será um divisor de águas na economia do estado, sobretudo para o município de Itabaiana, visto que aproximará mercados consumidores da produção agrícola, a exemplo de Salvador e outras cidades da Bahia. Além disso, a obra trará melhoria do bem-estar de milhares de famílias residentes em toda a sua extensão, uma vez que, ficarão livres de situações recorrentes como poeira e lamaçais”, afirma.

Proinveste

Ao todo, 29 obras estão sendo contempladas com recursos do Proinveste. Dessas, a urbanização da orlinha do povoado São Braz, a pavimentação do acesso ao povoado Calumbi, e a implantação da rodovia que liga os povoados Santa Cruz ao São Miguel já foram concluídas e inauguradas. Em fase de finalização está o capeamento asfáltico de vias urbanas em Nossa Senhora do Socorro e a terraplanagem do Hospital do Câncer de Sergipe.

Já as ações em andamento são: implantação do contorno rodoviário em Itabaianinha e das rodovias que ligam Itabaiana a Itaporanga D’Ajuda e Japoatã a Propriá; recuperação do sistema viário do Centro Administrativo Governador Augusto Franco; desmonte do morro da Piçarreira (obra complementar do aeroporto Santa Maria); urbanização da avenida Euclides Figueiredo e do residencial Santa Tereza e adjacências; drenagem e esgotamento sanitário do corredor viário da avenida Tancredo Campos (no residencial Santa Tereza); mercado de Lagarto; e a contrapartida da construção do Centro Especializado em Reabilitação.

Levando em consideração todas as obras, estão sendo investidos no estado de Sergipe cerca de R$ 366 milhões, que vão promover qualidade de vida aos sergipanos. São recursos que vislumbram não só a melhoria de espaços já inseridos na área urbana e rural do estado, como também a implantação de novas obras. Com isso, além do crescimento econômico de Sergipe, haverá valorização da população deste estado que, apesar de pequeno, tem condições de sobra para oferecer condições dignas aos seus moradores.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247