Governo do Ceará, Fiec e Banco do Brasil assinam Termo de Cooperação

O governador Camilo Santana assina hoje à tarde, em solenidade no Palácio Abolição, Termo de Cooperação com a Federação das Indústrias do Estado do Ceará e o Banco do Brasil para que a instituição financeira atue como agente preferencial nos investimentos de empresas amparadas pelos programas de incentivo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), no Ceará. Atualmente, cerca de 420 empresas são atendidas pelos programas de incentivo da SDE   

O governador Camilo Santana assina hoje à tarde, em solenidade no Palácio Abolição, Termo de Cooperação com a Federação das Indústrias do Estado do Ceará e o Banco do Brasil para que a instituição financeira atue como agente preferencial nos investimentos de empresas amparadas pelos programas de incentivo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), no Ceará. Atualmente, cerca de 420 empresas são atendidas pelos programas de incentivo da SDE 
 
O governador Camilo Santana assina hoje à tarde, em solenidade no Palácio Abolição, Termo de Cooperação com a Federação das Indústrias do Estado do Ceará e o Banco do Brasil para que a instituição financeira atue como agente preferencial nos investimentos de empresas amparadas pelos programas de incentivo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), no Ceará. Atualmente, cerca de 420 empresas são atendidas pelos programas de incentivo da SDE    (Foto: Fatima 247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O Governo do Ceará, a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) e o Banco do Brasil assinam, às 14h30 desta quinta-feira (20), Termo de Cooperação Técnica para que a instituição financeira atue como agente preferencial nos investimentos de empresas amparadas pelos programas de incentivo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) e suas vinculadas em todo Estado.

A cerimônia será realizada no Palácio da Abolição e contará com a presença do governador Camilo Santana, de diretores do Banco do Brasil, do secretariado estadual da área econômica e da Fiec. A cooperação beneficia empresas que irão se instalar ou ampliar instalações, independente do seu setor de atuação. Atualmente, cerca de 420 empresas são atendidas pelos programas de incentivo da SDE e vinculadas.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247