Governo investe em melhorias na infraestrutura rodoviária

São quase 500 Km de estradas em restauração ou construção e mais de 220 Km de obras concluídas. O aporte financeiro nas obras em andamento e em licitação totalizam R$ 1.082.211.976,72, do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

São quase 500 Km de estradas em restauração ou construção e mais de 220 Km de obras concluídas. O aporte financeiro nas obras em andamento e em licitação totalizam R$ 1.082.211.976,72, do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)
São quase 500 Km de estradas em restauração ou construção e mais de 220 Km de obras concluídas. O aporte financeiro nas obras em andamento e em licitação totalizam R$ 1.082.211.976,72, do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) (Foto: Rodrigo Rocha)

Ceará247 - As rodovias estaduais ou CEs, que estão sob jurisdição do Departamento Estadual de Rodovias (DER), vinculado à Secretaria da Infraestrutura (Seinfra), vêm recebendo investimento do Governo através do Programa Viário de Integração e Logística – Ceará IV. Os trechos construídos e restaurados concluídos até o momento ou com índice acima de 98% de execução somam cerca de 223,50 km. Os trechos em restauração ou em construção, que encontram-se em andamento, apontam 499,12 km de novas estradas. Outros 403,84 km de malha viária estão sendo licitados/contratados.

Entre os principais trechos em execução estão: rodovia CE-282, Icó - Icozinho; rodovia CE-356, entr. BR-116 - (Russas) - divisa RN/CE; rodovia CE-266, Roldão – Banabuiú; rodovia CE-371, Dep. Irapuan Pinheiro - entr. CE 060 (Acopiara); rodovia CE-240, Miraíma – Itapipoca; rodovia CE-166, Quixeramobim – Encantado; rodovia CE-187, São Benedito – Ipú.

De acordo com o coordenador do Programa Ceará IV no Estado, Quirino Ponte, o aporte financeiro nas obras em andamento e em licitação totalizam R$ 1.082.211.976,72, do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O objetivo é melhorar as condições de trafegabilidade em todas as regiões do Estado, impulsionando o setor do turismo e o socioeconômico, bem como melhorar o escoamento de mercadorias e o deslocamento de pessoas, com a redução do custo de transporte.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247