Governo quer interiorizar o Corpo de Bombeiros “sem gasto excessivo”

O governador Fernando Pimentel, entregou, no Palácio da Liberdade, seis caminhões autobombas aos Comandos Operacionais do Corpo de Bombeiros Militar de seis municípios mineiros; o investimento foi de R$ 2,6 milhões; ochefe do executivo reforçou que o objetivo do governo é interiorizar o Corpo de Bombeiros “sem um gasto excessivo”; “O nosso projeto é levarmos grupamentos dos Corpo de Bombeiros, menores do que um destacamento, para mais municípios. Esse veículo vai ser a base de um destacamento com 16 bombeiros, um veículo desse e mais uma viatura, caminhonete, que pode atender perfeitamente municípios de porte menor, de 30 mil, de 40 mil, até 50 mil habitantes”

Governador Fernando pimentel faz entrega de caminhões Alto Bombas e salvamento do Corpo de Bombeiros. 21-07-2017- Palácio da Liberdade. Foto: Manoel Marques/imprensa-MG
Governador Fernando pimentel faz entrega de caminhões Alto Bombas e salvamento do Corpo de Bombeiros. 21-07-2017- Palácio da Liberdade. Foto: Manoel Marques/imprensa-MG (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, entregou nesta sexta-feira (21), no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, seis caminhões autobombas aos Comandos Operacionais do Corpo de Bombeiros Militar de seis municípios mineiros: Araxá (Território Triângulo Sul), Barbacena (Vertentes), Contagem (Metropolitano), Governador Valadares (Vale do Rio Doce), Montes Claros (Norte) e Varginha (Sul). O investimento para aquisição dos veículos foi de R$ 2,6 milhões. O chefe do executivo reforçou que o objetivo do governo é interiorizar o Corpo de Bombeiros “sem um gasto excessivo”.

“O nosso projeto é levarmos grupamentos dos Corpo de Bombeiros, menores do que um destacamento, para mais municípios. Esse veículo vai ser a base de um destacamento com 16 bombeiros, um veículo desse e mais uma viatura, caminhonete, que pode atender perfeitamente municípios de porte menor, de 30 mil, de 40 mil, até 50 mil habitantes. Nós temos uma estrutura muito boa do Corpo de Bombeiros, mas ela é uma estrutura cara, precisamos multiplica-la de maneira a não onerar mais o Estado, mas ao mesmo tempo atender à população”, disse.

Os caminhões autobombas são veículos utilizados em operações que envolvam, principalmente, o combate a incêndios e salvamentos. A viatura possui um tanque de aço inox com capacidade para armazenar até 4.500 litros de água e é equipado com canhão monitor, mangotinho e mangotes, além de compartimentos para acondicionar materiais de combate a incêndio e salvamento terrestre, aquático e em altura.

Para o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, coronel Cláudio Roberto de Souza, viaturas que já atendem os grupamentos das cidades contempladas na entrega desta sexta-feira serão redistribuídas para outros municípios. “Nós temos um projeto de expansão com o apoio do Governo do Estado. Vamos abrir frações com menor número de militares, menos viaturas e, na medida do possível, integradas com o Samu. Municípios de menor porte receberão grupamentos de menor porte também, para que possamos expandir nossas ações aos mais longínquos municípios mineiros, onde haja demanda do Corpo de Bombeiros”, afirmou.
 
Também estiveram presentes os secretários de Estado de Governo, Odair Cunha, e de Turismo, Ricardo Faria, além do deputado federal Reginaldo Lopes, dos deputados estaduais Geisa Teixeira e Bosco, entre outras autoridades.

*Com assessoria

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247