Haddad intervém em reintegração de posse

Prefeito de São Paulo deixa evento com ex-presidente Lula para intermediar confronto de famílias sem-teto em ação com a Polícia no Jardim Iguatemi (zona leste); publicação de decreto pela Prefeitura suspende a remoção de quase 3 mil pessoas de terreno

Haddad intervém em reintegração de posse
Haddad intervém em reintegração de posse
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), deixou de participar de um evento ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para intervir em uma reintegração de posse no Jardim Iguatemi (zona leste), na manhã desta terça-feira (26).

Haddad foi convidado a discrusar no evento Novos Desafios da Sociedade, antes de Lula, mas deixou o local ao ser informado que a PM havia entrado em conflito com os moradores do bairro.

A desocupação, por ordem judicial a pedido do proprietário começou na manhã de ontem com homens da tropa de choque da Polícia Militar, que usou bombas de efeito moral para dispersar moradores que protestavam na frente do terreno.

O secretário de Habitação do município, José Floriano de Azevedo Marques Neto, foi instruído a procurar o dono da área, Heráclides Batalha, para tentar uma solução negociada, que passaria pela desapropriação amigável do local. Batalha, porém, não teria aceito a proposta.

A Prefeitura optou então por publicar um Decreto de Utilidade Pública (DUP) para suspender a remoção das famílias e fazer a desapropriação do terreno. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 1,7 mil pessoas ocupam a área de 120 mil m². Já a prefeitura, estima que existam quase três mil pessoas no local.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email