Haddad rebate Estadão e nega que vá deixar o PT

O prefeito Fernando Haddad, de São Paulo, negou, nesta sexta (23), que vá deixar o PT, conforme noticiou o Estadão; através do Twitter, o prefeito publicou: "Desminto todas as informações desta matéria" e colocou o link do texto do jornal; a matéria do Estadão havia afirmado que Haddad estaria sendo pressionado por aliados a deixar o PT e teria iniciado uma série de consultas a conselheiros da política e do mundo acadêmico sobre a possibilidade de abandonar o partido e se filiar ao Rede, de Marina Silva  

O prefeito Fernando Haddad, de São Paulo, negou, nesta sexta (23), que vá deixar o PT, conforme noticiou o Estadão; através do Twitter, o prefeito publicou: "Desminto todas as informações desta matéria" e colocou o link do texto do jornal; a matéria do Estadão havia afirmado que Haddad estaria sendo pressionado por aliados a deixar o PT e teria iniciado uma série de consultas a conselheiros da política e do mundo acadêmico sobre a possibilidade de abandonar o partido e se filiar ao Rede, de Marina Silva
 
O prefeito Fernando Haddad, de São Paulo, negou, nesta sexta (23), que vá deixar o PT, conforme noticiou o Estadão; através do Twitter, o prefeito publicou: "Desminto todas as informações desta matéria" e colocou o link do texto do jornal; a matéria do Estadão havia afirmado que Haddad estaria sendo pressionado por aliados a deixar o PT e teria iniciado uma série de consultas a conselheiros da política e do mundo acadêmico sobre a possibilidade de abandonar o partido e se filiar ao Rede, de Marina Silva   (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O prefeito Fernando Haddad, de São Paulo, negou, nesta sexta-feira (23), que vá deixar o PT, conforme noticiou o Estadão. Através do Twitter, o prefeito publicou: "Desminto todas as informações desta matéria" e colocou o link do texto do jornal.

A matéria do Estadão havia afirmado que Haddad estaria sendo pressionado por aliados a deixar o PT e teria iniciado uma série de consultas a conselheiros da política e do mundo acadêmico sobre a possibilidade de abandonar o partido pelo qual foi eleito. O texto dizia ainda que o entorno de Haddad acha que, pelo PT, ele não tem chances de se reeleger. Ainda segundo o Estadão, o prefeito teme que o desgaste do partido por causa das denúncias possa dificultar sua reeleição, e que a opção preferencial dele seria o Rede, de Marina Silva.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email