Henrique Alves tem encontro com Eduardo

O líder do PMDB na Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (RN), desembarca no Recife (PE), no próximo dia 22, para um encontro  com o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos; na pauta da reunião deverão constar temas como a disputa pela Presidência da Câmara, economia e política partidária, em especial a possível candidatura do gestor pernambucano nas próximas eleições presidenciais

Henrique Alves tem encontro com Eduardo
Henrique Alves tem encontro com Eduardo
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247 – O líder do PMDB na Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (RN), desembarca no Recife (PE), no próximo dia 22, para um encontro  com o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos. Outro parlamentar da Casa, o peemedebista Raul Henry, que também é secretário geral do seu partido no Estado, coordenará a agenda do congressista. Em meio à luta do PSB a fim de ganhar mais visibilidade na medida em que briga por mais espaço no Governo Federal para fortalecer o nome da sigla e, sobretudo, de Eduardo pelo Brasil afora, o encontro surge como mais uma oportunidade de representantes de ambos os partidos colocarem em pauta mais que a discussão pela Presidência da Câmara. Também fariam parte da conversa assuntos como economia e política partidária, em especial o rumo do gestor pernambucano nas próximas eleições presidenciais.

Curiosamente, o encontro ocorrerá duas semanas após a presidente Dilma Rousseff (PT) e o governador Eduardo Campos terem se encontrado em Salvador, capital da Bahia. Isso pode ser um indicativo de que os peemedebistas ficaram preocupados, apesar de continuarem disfarçando a inquietação com as movimentações do socialista, com os afagos de Dilma em relação a Eduardo e o PSB e as especulações de que nas próximas eleições a vaga de vice poderia ser entregue ao PSB.

Após o bom desempenho obtido nas eleições municipais do ano passado, o PSB do governador Eduardo Campos busca ampliar sua atuação junto ao governo. Tanto é que o deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG), pode disputar a presidência da Câmara, no mês que vem, junto com Alves. Porém, corre a informação de que Eduardo não estaria disposto a se engajar para eleger Delgado, já que o mesmo não contaria apoio suficiente para ser eleito. Este seria o ponto central do encontro no Recife.

Os peemedebistas, que não veem com bons olhos as especulações de que Eduardo pode compor uma chapa em 2014, sendo vice da presidente Dilma Rousseff (PT), não se mostram nem um pouco dispostos a cederem espaço para o PSB. Primeiro porque coloca em risco o posto do PDMB como principal aliado do PT e, segundo, porque seus integrantes querem fortalecer o nome da sigla no plano nacional, de maneira que a mesma tenha um candidato à presidência em 2018, ano em que pode disputar o pleito majoritário com o próprio Eduardo.

Outro fator que pode estar em pauta é a possibilidade do gestor se candidatar a deputado federal, o que tranquilizaria o PMDB e, também, a do PT, pois não é nem um pouco interessante para a legenda criar atritos com o seu principal aliado no Congresso. Embora a temperatura em torno do assunto esteja cada vez mais alta, resta aguardar qual será o resultado do encontro e qual o posicionamento que Eduardo deverá tomar visando o futuro do PSB já em 2014.  

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email