'Historiador' tucano lamenta falta de público na marcha do AI5

Árduo defensor do PSDB e do golpe contra a ordem democrática, o "historiador" Marco Antônio Villa ficou desapontado com a ausência de povo na manifestação pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff na avenida Paulista, nesse domingo, 13; "Eu esperava mais gente", admitiu o tucano; Vila tentou amenizar, dizendo que a manifestação foi uma espécie de "esquenta"; "Nós estamos começando", afirmou

Árduo defensor do PSDB e do golpe contra a ordem democrática, o "historiador" Marco Antônio Villa ficou desapontado com a ausência de povo na manifestação pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff na avenida Paulista, nesse domingo, 13; "Eu esperava mais gente", admitiu o tucano; Vila tentou amenizar, dizendo que a manifestação foi uma espécie de "esquenta"; "Nós estamos começando", afirmou
Árduo defensor do PSDB e do golpe contra a ordem democrática, o "historiador" Marco Antônio Villa ficou desapontado com a ausência de povo na manifestação pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff na avenida Paulista, nesse domingo, 13; "Eu esperava mais gente", admitiu o tucano; Vila tentou amenizar, dizendo que a manifestação foi uma espécie de "esquenta"; "Nós estamos começando", afirmou (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O "historiador" Marco Antônio Villa, árduo defensor do PSDB e do golpe contra a ordem democrática, esteve presente na manifestação pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff na avenida Paulista, nesse domingo, 13.

Contrariado pelo fracasso de público, Vila disse em vídeo divulgado nas redes sociais que o protesto foi um "esquenta" e que acredita que as próximas terão mais adesão popular. 

"Eu esperava mais. Mas é uma manifestação por uma espécie de esquenta e nosso tempo de combatividade em manifestações é pequeno. Nós estamos começando", afirmou. 

Assista aqui

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email