Humberto joga lenha na fogueira de João da Costa

O senador afirmou que o candidato do PT Prefeitura do Recife, no prximo ano, deve ser aquele que estiver mais bem colocado nas pesquisas de inteno de votos. Curiosamente, esse posto hoje do maior desafeto do prefeito Joo da Costa, o deputado federal Joo Paulo. Ser um recado?

Humberto joga lenha na fogueira de João da Costa
Humberto joga lenha na fogueira de João da Costa (Foto: Andréa Rêgo Barros/247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tércio Amaral_PE247 – O tempo anda se esgotando para o prefeito Recife, João da Costa (PT), viabilizar sua candidatura à reeleição da capital pernambucana. O “recado” foi dado pelo líder do PT no Estado, o senador Humberto Costa, que destacou a importância da manutenção da Prefeitura para a legenda. Em entrevista à Rádio Folha, o senador deu a entender que, se for possível, o partido “cortará da própria carne”, ou seja, abrirá mão da candidatura de quem não estiver bem nas pesquisas. “Tem que entrar com o que tiver de melhor, com o que estiver de melhor nas pesquisas, que agregue o partido e a Frente Popular. Não existe fácil. Podemos torná-la mais fácil ou mais difícil”, disparou.

Curiosamente, o mais bem colocado nas pesquisas de intenção de votos é justamente o grande desafeto do prefeito João da Costa, o deputado federal João Paulo (PT). A afirmação de Humberto pode ser entendida como uma “indireta” ao gestor, que vem enfrentando dificuldades administrativas e na articulação política com a base aliada. “O PT quer ganhar eleição e precisa. Quanto mais se demora, os partidos que têm pleitos vão adquirindo argumentos para consolidar as candidaturas”, declarou o parlamentar, que ainda fez questão de frisar que não participará do pleito.

O prefeito João da Costa, responsável pela condução do processo sucessório está de férias, fora do Recife.

Com esta declaração, o senador jogou mais “lenha na fogueira” na disputa entre os Joões. “O grande calo do PT é o Recife. Se a gente ganhar nos 183 municípios de Pernambuco e perder no Recife é o mesmo que perder a eleição”, justificou.

Porém, contraditoriamente, Humberto não seguiu os princípios que defendia há dois anos atrás, quando disputava com João Paulo (ex-prefeito do Recife) a candidatura ao Senado pelo PT. Na época, o hoje senador afirmara que pesquisa não é determinante para a construção de uma postulação.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email