Ibama libera licença para estaleiro Eisa em AL

Depois de meses de espera, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), autorizou a licença ambiental para o início das obras do estaleiro Eisa no município de Coruripe, Litoral Sul de Alagoas; obras devem ser  iniciadas até o fim deste ano; expectativa é que o estaleiro gere 10 mil empregos diretos

Depois de meses de espera, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), autorizou a licença ambiental para o início das obras do estaleiro Eisa no município de Coruripe, Litoral Sul de Alagoas; obras devem ser  iniciadas até o fim deste ano; expectativa é que o estaleiro gere 10 mil empregos diretos
Depois de meses de espera, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), autorizou a licença ambiental para o início das obras do estaleiro Eisa no município de Coruripe, Litoral Sul de Alagoas; obras devem ser  iniciadas até o fim deste ano; expectativa é que o estaleiro gere 10 mil empregos diretos (Foto: Voney Malta)

Alagoas247 - O presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Volney Zanardi Júnior, assinou, nessa segunda-feira (1º), a licença de ambiental definitiva que permite o início das obras do estaleiro Eisa, em Coruripe.

A informação foi confirmada, no início desta tarde, pela Secretaria de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (Seplande) e pelo secretário municipal de Meio Ambiente de Coruripe, José Edson dos Santos.

Conforme a Seplande, com a licença está sacramentada a autorização que tanto os alagoanos esperavam para ter o estaleiro no Litoral Sul. A previsão é que as obras sejam iniciadas até o fim deste ano.

Agora, a empresa vai, junto ao Ibama, tratar de questões burocráticas para dar andamento ao processo e marcar o início dos trabalhos da instalação.

A assessoria do presidente do Ibama informou, ainda na noite dessa segunda, da assinatura ao governo do Estado. O prefeito de Coruripe, Joaquim Beltrão, também já foi comunicado que o empreendimento, enfim, vai sair do papel.

A instalação do Eisa em Coruripe deve gerar cerca de 10 mil empregos diretos para a região.

Com gazetaweb.com

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247