Ideli diz que Goiás é a locomotiva do Brasil

Ao lado do tucano Marconi Perillo (com quem trocou elogios) e de prefeitos de todas as matizes partidárias em Goiânia, ministra das Relações Institucionais se empolgou ao discursar sobre o bom momento econômico vivido pelo Estado, que lidera a geração de empregos e recebe pesados investimentos: “Esta semana reservamos para atender apenas Goiás, esse Estado que é a locomotiva do Brasil”; durante evento foram entregues 100 máquinas retroescavadeiras para prefeituras goianas

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás247_ A ministra Ideli Salvatti, das Relações Institucionais, esteve em Goiânia na sexta-feira (23) para participar do Encontro Estadual de Prefeitos, organizado pela pasta em que ela atua. Recebida pelo governador Marconi Perillo e os prefeitos Maguito Vilela e Paulo Garcia, a ministra se empolgou com o auditório lotado e exaltou o bom momento vivido por Goiás.

“Hoje é o dia de colocar tudo na mesa. Cada prefeito será ouvido para falar sobre as demandas dos municípios goianos. Esta semana reservamos para atender apenas Goiás, esse Estado que é a locomotiva do Brasil. Não importa o partido dos prefeitos, todos terão a mesma atenção do governo federal”, disse Ideli.

O encontro realizado no Centro de Convenções da Capital reuniu prefeitos goianos, deputados e autoridades e teve como objetivo estreitar a relação entre o governo Dilma e os municípios. O governador Perillo pegou carona no discurso republicano de Ideli e falou da importância das parcerias administrativas. Uma das características do terceiro mandato do tucano tem sido a aproximação com as prefeituras. Perillo recebe os prefeitos diretamente em seu gabinete.

“Tudo que estamos conquistando por Goiás quero compartilhar com a presidente Dilma e com os prefeitos. Ao prefeito Paulo Garcia quero dizer que o Governo de Goiás está e sempre esteve à disposição para parcerias. Ajudaremos no que for preciso", disse Marconi.

A organização do evento levou para Goiânia representantes de todos os ministérios do governo Federal. “Os prefeitos e secretários estão sendo atendidos individualmente para que todas as dúvidas a respeito de convênios e obras da União sejam esclarecidas. O objetivo é trabalharmos ainda mais em parceria com os governos estaduais e prefeituras. Vamos orientá-los também para outras possibilidades de liberação de recursos para a saúde, educação, saneamento e do Minha Casa Minha Vida”, ressaltou Ideli Salvatti. Durante o evento foram entregues 100 retroescavadeiras para prefeituras goianas.

Aeroporto Santa Genoveva

Marconi Perillo citou durante entrevista coletiva os esforços do governo do Estado junto à Infraero e Tribunal de Contas da União para a retomada das obras do Aeroporto Santa Genoveva. “Nós fizemos muitas tratativas para que o problema do embargo do Tribunal de Contas da União fosse destravado. Felizmente, os projetos executivo e do terminal de passageiros foram feitos. O projeto para as obras do pátio e da outra pista já estão em andamento e a informação que eu tenho da Infraero é  que ainda este mês será dada a ordem de serviço para o reinício das obras do aeroporto e, consequentemente, no futuro, as obras da pista e do pátio”.

Ferrovia Norte-Sul

Em relação à Ferrovia Norte-Sul, outra obra do Governo Federal em Goiás, Perillo ressaltou que a sintonia do Executivo Estadual com a União resultou na retomada das obras. “Eu tenho sobrevoado as obras aqui no trecho sul, que demanda Ouro Verde e a Região Sudeste de Goiás. As obras já estão, de novo, andando. Nós, do governo, estamos ajudando muito das desapropriações, junto ao Tribunal de Justiça; e colocamos parte da nossa equipe para ajudar na desapropriação e na parte de topografia. Falta ainda concluir o trecho norte, exclusivamente o túnel na cidade de Anápolis, e aproximadamente cinco quilômetros de obras entre o túnel até o terminal multimodal, que ainda não foi construído. Na última conversa que tive com o ministro dos Transportes, ele me assegurou que o presidente da Valec deve recomeçar a obra em breve”, cita.

O governador acredita que a presença dos ministros em Goiânia vai contribuir para que as obras do governo federal em Goiás sejam aceleradas.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email