Imbassahy questiona viagem de ministro pela FAB

Líder do PSDB, apoiado pelo DEM e PPS, vai entrar com um pedido de investigação à Procuradoria-Geral da República contra o ministro da Saúde, Arthur Chioro; ele percorreu as cidades de São Paulo, Recife, Salvador e Rio de Janeiro, em campanha contra Aids no carnaval, em avião da FAB, acompanhado da mulher Roseli Regis dos Reis

Líder do PSDB, apoiado pelo DEM e PPS, vai entrar com um pedido de investigação à Procuradoria-Geral da República contra o ministro da Saúde, Arthur Chioro; ele percorreu as cidades de São Paulo, Recife, Salvador e Rio de Janeiro, em campanha contra Aids no carnaval, em avião da FAB, acompanhado da mulher Roseli Regis dos Reis
Líder do PSDB, apoiado pelo DEM e PPS, vai entrar com um pedido de investigação à Procuradoria-Geral da República contra o ministro da Saúde, Arthur Chioro; ele percorreu as cidades de São Paulo, Recife, Salvador e Rio de Janeiro, em campanha contra Aids no carnaval, em avião da FAB, acompanhado da mulher Roseli Regis dos Reis (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O deputado Antonio Imbassahy (BA) vai entrar com um pedido de investigação à Procuradoria-Geral da República contra o ministro Arthur Chioro (Saúde).

Lideranças do PSDB, DEM e PPS questionam a viagem do ministro em avião da FAB (Força Aérea Brasileira) durante o carnaval, acompanhado da mulher Roseli Regis dos Reis. Eles percorreram as cidades de São Paulo, Recife, Salvador e Rio de Janeiro, onde Chioro participou de ações do ministério de prevenção da Aids.

Assessoria do ministro afirma que ele fez questão de ter a mulher ao lado para “evitar qualquer situação de exposição indevida" e que Roseli acompanhou os compromissos oficiais "sem qualquer custo adicional aos cofres públicos" (leia mais).

No começo de fevereiro, o PPS também ingressou com pedido de abertura de processo contra o recém-empossado ministro da Saúde, Arthur Chioro. Em representação na Comissão de Ética Pública da Presidência da República, o partido pede que se apure o fato de Chioro ter assumido a pasta após transferir uma empresa prestadora de serviços de saúde à esposa.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email