JB: "virão transformações profundas no governo"

Governador Jackson Barreto (PMDB) afirma que "virão transformações profundas" em seu governo, a partir de 1º de janeiro de 2015; reeleito na disputa eleitoral deste ano, ele diz que não é necessário que os atuais secretários estaduais coloquem seus cargos à disposição para deixá-lo mais à vontade nas mudanças que pretende executar; JB estuda enxugamento da máquina, com redução de secretarias e cargos

Governador Jackson Barreto (PMDB) afirma que "virão transformações profundas" em seu governo, a partir de 1º de janeiro de 2015; reeleito na disputa eleitoral deste ano, ele diz que não é necessário que os atuais secretários estaduais coloquem seus cargos à disposição para deixá-lo mais à vontade nas mudanças que pretende executar; JB estuda enxugamento da máquina, com redução de secretarias e cargos
Governador Jackson Barreto (PMDB) afirma que "virão transformações profundas" em seu governo, a partir de 1º de janeiro de 2015; reeleito na disputa eleitoral deste ano, ele diz que não é necessário que os atuais secretários estaduais coloquem seus cargos à disposição para deixá-lo mais à vontade nas mudanças que pretende executar; JB estuda enxugamento da máquina, com redução de secretarias e cargos (Foto: Valter Lima)

247 - O governador Jackson Barreto (PMDB) afirma que "virão transformações profundas" em seu governo, a partir de 1º de janeiro de 2015. Reeleito na disputa eleitoral deste ano, ele diz que não é necessário que os atuais secretários estaduais coloquem seus cargos à disposição para deixá-lo mais à vontade nas mudanças que pretende executar.

O governador tem se reunido frequentemente com a equipe que estuda as finanças do Estado para avaliar cortes na administração. Durante o período eleitoral, JB prometeu extinguir oito secretarias. Também se trabalha com a possibilidade de fim do cargo de secretário-adjunto e redução do número de cargos comissionados. 

Diante de uma crise financeira persistente, o governador pretende enxugar a máquina para ampliar os investimentos do Estado em setores fundamentais, como Educação, Saúde e Segurança Pública. 

Abaixo nota do jornalista Eugênio Nascimento sobre o tema:

Secretários não precisam disponibilizar cargos

O governador Jackson Barreto (PMDB) não considera necessário os seus secretários colocarem seus cargos à disposição para que se sinta à vontade no processo de encaminhamento das escolhas para o próximo governo. “Isso é lorota, puro boato. Mas posso lhe garantir que virão transformações profundas”, comentou. Então, todos estarão felizes até o dia 31 de dezembro.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247