João: "Não apoio Amorim, pois ele nunca me disse que seria candidato"

O prefeito João Alves Filho afirmou nesta quinta-feira (2) que sua candidatura não é algo provável e lembrou que essa antecipação da corrida eleitoral não é boa para a população; “não pretendo ser candidato em 2014 e acho que tratar desse assunto de forma antecipada não traz benefício à população”; sobre apoio aos Amorim, preferiu tergiversar  

João: "Não apoio Amorim, pois ele nunca me disse que seria candidato"
João: "Não apoio Amorim, pois ele nunca me disse que seria candidato"

Tirzah Braga, colaboração para o Sergipe 247 - Há pouco mais de um ano para o início da campanha eleitoral de 2014, o prefeito João Alves Filho (DEM) se esquiva quando o assunto é uma provável candidatura sua ao Governo de Sergipe. Apontado como favorito para as próximas eleições, João Alves prefere fica em cima do muro.

No Cabaré de Quinta, este assunto foi preferencial dos jornalistas presentes. “Serei candidato sim...”, disse o prefeito em tom de brincadeira após os questionamentos, para logo em seguida, completar: “Sou candidato a ser um prefeito excelente para Aracaju”.

João Alves afirmou que sua candidatura não é algo provável e lembrou que essa antecipação da corrida eleitoral não é boa para a população. “Não pretendo ser candidato em 2014 e acho que tratar desse assunto de forma antecipada não traz benefício à população. É muito cedo”, disse. Ele ainda afirmou que se trata de um equívoco dos prováveis candidatos a presidente já tratar desse tema. “Aprendi com Tancredo Neves que política só se faz com a condição do dia. Houve um equivoco na política nacional. Essa não é a hora”, opinou.

Questionado sobre uma aliança com os irmãos Amorim, João Alves desconversou e não sinalizou de forma positiva. “Não apoio o senador Eduardo Amorim, pois ele nunca me disse que seria candidato ao Governo do Estado”, afirmou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247