Jogador do Manchester City, Sterling diz que perdeu familiares para o coronavírus

Atleta do Manchester City, Raheem Sterling disse que revelar mortes de pessoas próximas serve como alerta para os perigos de retomar os jogos da Premier League

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O atacante Raheem Sterling do clube inglês Manchester City revelou que perdeu familiares para o coronavírus. Em entrevista ao jornal britânico "The Sun", o atleta disse que noticiar mortes de parentes e de pessoas próximas funciona como alerta sobre os perigos de retomar os jogos de futebol na Premier League, principal campeonato do esporte na Europa, algo que estava sendo cogitado antes de ser barrado pelo primeiro-ministro, Boris Johnson. A informação é do jornal O Globo

A quarentena na Inglaterra foi prorrogada até o mês de junho, aponta a reportagem.

"Um amigo muito próximo perdeu a avó. Membros da minha família também morreram. Portanto, temos que ser inteligentes e cuidar de nós mesmos e daqueles que nos rodeiam. Somos todos apaixonados pelo futebol, todos amamos o futebol e queremos que ele volte. Mas estamos passando por uma pandemia. Quando voltarmos, devemos garantir que não seja por motivos puramente futebolísticos e que seja seguro para todos", disse Sterling, de 25 anos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247