Jorge Solla: prisão de Cunha foi “jogo combinado”

"Foi um convite para ele acompanhar a Polícia Federal até Curitiba, muito mais do que a gente viu nos outros espetáculos da Lava Jato. Eram policiais de madrugada invadindo casas sem avisar nada. No caso de Eduardo Cunha, ele foi avisado e devem ter até pedido de perdão: 'Deputado me desculpa, mas vou ter que levar você para cadeia porque está muito ruim para opinião pública'", ironizou o deputado do PT; ele também acredita que uma possível delação de Cunha "é a preparação da queda do governo corrupto de Michel Temer e companhia"

Jorge Solla
Jorge Solla (Foto: Gisele Federicce)

Bahia 247 - Para o deputado Jorge Solla (PT-BA), a prisão do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) nesta quarta-feira 19 soou como um “jogo combinado”, se comparada às prisões de outros investigados na Operação Lava Jato.

"Foi um convite para ele acompanhar a Polícia Federal até Curitiba, muito mais do que a gente viu nos outros espetáculos da Lava Jato. Eram policiais de madrugada invadindo casas sem avisar nada", lembra o parlamentar.

"No caso de Eduardo Cunha, ele foi avisado e devem ter até pedido de perdão: 'Deputado me desculpa, mas vou ter que levar você para cadeia porque está muito ruim para opinião pública'", ironizou.

Solla também acredita que uma possível delação de Cunha "é a preparação da queda do governo corrupto de Michel Temer e companhia".

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247