Justiça suspende leilão do metrô de São Paulo

O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu o leilão das linhas 5 Lilás e 17 Ouro do metrô da capital, agendado para esta sexta-feira (19); o juiz Adriano Marcos Laroca acatou pedido liminar impetrado pelo PSOL e por funcionários do metrô para suspender o leilão; os trabalhadores suspenderam parcialmente as atividades nesta quinta em protesto contra o leilão

O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu o leilão das linhas 5 Lilás e 17 Ouro do metrô da capital, agendado para esta sexta-feira (19); o juiz Adriano Marcos Laroca acatou pedido liminar impetrado pelo PSOL e por funcionários do metrô para suspender o leilão; os trabalhadores suspenderam parcialmente as atividades nesta quinta em protesto contra o leilão
O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu o leilão das linhas 5 Lilás e 17 Ouro do metrô da capital, agendado para esta sexta-feira (19); o juiz Adriano Marcos Laroca acatou pedido liminar impetrado pelo PSOL e por funcionários do metrô para suspender o leilão; os trabalhadores suspenderam parcialmente as atividades nesta quinta em protesto contra o leilão (Foto: Romulo Faro)

SP 247 - O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu o leilão das linhas 5 Lilás e 17 Ouro do metrô da capital, agendado para esta sexta-feira (19).

O juiz Adriano Marcos Laroca acatou pedido liminar impetrado pelo PSOL e por funcionários do metrô para suspender o leilão.

"Assim, cedendo a liminar para suspender o certame licitatório em tela (concorrência internacional nº 02/2016) e, por conseguinte, o leilão previsto para o próximo dia 19 de janeiro de 2018, sob pena de multa diária de um milhão de reais para cada réu, além de sanções administrativas criminais", diz o juiz na decisão.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247