Juventude do DEM: "ares de boas mudanças" no transporte de Aracaju

Em artigo, presidente e vice da Juventude do partido em Aracaju afirmam que entrada da empresa Atalaia Transportes e reunião entre prefeitos e Governo para firmar consórcio representarão mudanças significativas no sistema de transporte coletivo da capital; para eles, boatos anteriores a estes fatos tinham objetivo de "desqualificar a seriedade do trabalho do prefeito João Alves e de sua equipe"

Juventude do DEM: "ares de boas mudanças" no transporte de Aracaju
Juventude do DEM: "ares de boas mudanças" no transporte de Aracaju
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sergipe 247 - O presidente e o vice-presidente da Juventude do DEM em Aracaju, Júnior Torres e Leonardo Alves, respectivamente, afirmam, em artigo enviado à imprensa nesta quarta-feira (31), que "com o anúncio da entrada da empresa Atalaia Transportes feito hoje, e a homologação do consórcio, realizada ontem, em audiência entre o governador em exercício e os prefeitos dos municípios de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão, o sistema de transporte coletivo da Grande Aracaju começa a respirar ares de boas mudanças". No texto, eles criticam a multiplicação dos boatos contrários ao prefeito João Alves Filho (DEM) desde a suspensão da concessão das empresas VCA e São Cristóvão, que se deu na semana passada.

Confira o artigo na íntegra: 

ARES DE BOAS MUDANÇAS NO TRANSPORTE COLETIVO DE ARACAJU

Desde o início da semana passada, quando o prefeito de Aracaju, doutor João Alves Filho (DEM/SE), expurgou do sistema de transporte coletivo da Capital as empresas Viação Cidade de Aracaju – VCA, e Viação São Cristóvão, ambas pertencentes ao empresário Lauro Menezes, o famoso Laurinho da Bonfim, centenas de boatos acerca da substituição daquelas se espalharam pelos quatro cantos da cidade.

Discípulos de Joseph Goebbels, apostando na tese de que uma mentira repetida mil vezes tornar-se-á verdade, com o único objetivo de fragilizar a administração do doutor João, passaram a disseminar, principalmente, através das redes sociais a informação de que a expulsão das empresas do senhor Lauro Menezes, do sistema, não passaria de uma farsa. Segundo aquelas mesmas línguas maldizentes, os ônibus das duas viações estariam sendo pintados e voltariam, em breve, a realizar seus itinerários pela Capital.

Os boatos assumiram tamanha proporção que até os bem informados membros do “Movimento Não Pago” passaram a reproduzi-los como verdade. Pessoas foram às emissoras de rádio denunciar que os ônibus das permissionárias excluídas estariam sendo pintados e plotados com a logomarca de uma empresa chamada Delta, pertencente ao grupo de Laurinho. Tudo isso para desqualificar a seriedade do trabalho do prefeito João Alves e da sua equipe.

Pois bem! Eis que hoje, pela manhã, numa entrevista coletiva esclarecedora, o doutor João apresentou aos aracajuanos a nova permissionária do serviço de transporte coletivo da Capital. Trata-se da pernambucana Itamaracá, a qual, numa justa homenagem à linda Aracaju, aqui receberá o nome de Atalaia Transporte.

Empresa de “know hall” internacional, a Atalaia Transporte, para ingressar no sistema, fará um investimento de cerca de r$ 45 mi (quarenta e cinco milhões de reais). Serão entre 130 e 150 novos ônibus circulando pelas ruas de Aracaju até o final de setembro. Graças às exigências do prefeito João Alves, a nova empresa se comprometeu a contratar, preferencialmente, os rodoviários dispensados pelas permissionárias expurgadas.

Com o anúncio de hoje e a homologação do consórcio, realizada ontem, em audiência entre o governador em exercício e os prefeitos dos municípios de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão, o sistema de transporte coletivo da Grande Aracaju começa a respirar ares de boas mudanças!

 

Júnior Torres – Acadêmico de Direito e Presidente da Juventude do Democratas em Aracaju; e

Leonardo Alves – Advogado e Vice-Presidente da Juventude do Democratas em Aracaju

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247