Lacerda afirma que foi o PT quem rompeu aliança

"A disputa interna de poder se dá de uma forma que fragiliza o próprio partido (...). As lutas internas apequenaram o partido. O PT perdeu muita militância, muita simpatia em Belo Horizonte nos últimos anos", afirmou o prefeito da capital mineira em sabatina da Folha/UOL nesta terça-feira; Lacerda não descartou a possibilidade de se candidatar a governador em 2014 e disse também que não vê seu partido com candidato à Presidência da República no próximo pleito

Lacerda afirma que foi o PT quem rompeu aliança
Lacerda afirma que foi o PT quem rompeu aliança (Foto: UOL)

Minas 247 - O prefeito de Belo Horizonte e candidato à reeleição, Márcio Lacerda, devolveu as acusações de que seu partido, o PSB, seria o responsável pelo rompimento da aliança com o PT do candidato Patrus Ananias. O petista tem dito que seu partido lançou candidatura própria porque o PSB havia rompido a relação. Sem o PSB, o PT não apoiaria, de forma alguma, o PSDB do senador Aécio Neves.

Para Lacerda, o PT é culpado pelo rompimento devido à sua "dificuldade" de entrar em unidade. "A disputa interna de poder se dá de uma forma que fragiliza o próprio partido (...). As lutas internas apequenaram o partido. O PT perdeu muita militância, muita simpatia em Belo Horizonte nos últimos anos", o prefeito da capital mineira durante sabatina da Folha/UOL nesta terça-feira (28).

Em 2008, Márcio Lacerda foi eleito com o apoio de petistas e tucanos. A aliança seria repetida nesta eleição, mas acabou sendo barrada depois que o PT foi excluído da coligação proporcional na chapa de vereadores.

"Jatinhos são necessários"

O prefeito socialista aproveitou para responder outro ataque de Patrus Ananias, o de que ele tem usado jatos privativos demasiadamente. Ele explicou que se trata de viagens que ocorreram no horário de trabalho e aproveitou para dar uma alfinetada no petista, que foi ministro do governo Lula.

"Meu adversário deve ter usado muito jatinho da FAB (Força Aérea Brasileira) para passar o final de semana em Belo Horizonte. E ninguém critica isso".

Na última pesquisa Ibope, divulgada no dia 16 de agosto, Marcio Lacerda aparece em primeiro lugar nas intenções de voto para a Prefeitura de Belo Horizonte, com 46%.

"Nunca digo desta água não beberei"

Sobre as especulações de que quer ser candidato a governador de Minas gerais em 2014, Lacerda respondeu que o tema não lhe atrai, mas não descartou a possibilidade. "Gosto muito de ser prefeito (...). A hipótese [de ser candidato] não me atrai como pessoa. Não é meu projeto pessoal. Tem tanta coisa para fazer na cidade que a possibilidade de sair depois de um ano e quatro meses não me atrai".

Questionado se assinaria um termo se comprometendo a não deixar a prefeitura em uma eventual vitória nas eleições de 2012 para disputar o governo do estado, o socialista disse que não costuma fazer planos. "Isso não está em debate (...). A gente, quando é jovem, tem muitas certezas. Eu aprendia na vida a nunca dizer 'desta água não beberei'".

Quanto à eleição presidencial em 2014, Lacerda disse que não vê seu partido concorrendo como cabeça de chapa. "Não vejo PSB como candidato em 2014".

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247