Lessa ganha fôlego e pode ser candidato ao Senado

A candidatura do deputado federal Ronaldo Lessa (PDT-AL) ao Senado em 2018 está sendo muito comentada nos bastidores; ele já foi convidado várias vezes pelo grupo do prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), para disputar a eleição de governador e tentar impedir a reeleição de Renan Filho (PMDB); por outro lado, o governo negocia para acomodar Lessa numa aliança e dar a ‘estrutura’ para sua candidatura a federal

A candidatura do deputado federal Ronaldo Lessa (PDT-AL) ao Senado em 2018 está sendo muito comentada nos bastidores; ele já foi convidado várias vezes pelo grupo do prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), para disputar a eleição de governador e tentar impedir a reeleição de Renan Filho (PMDB); por outro lado, o governo negocia para acomodar Lessa numa aliança e dar a ‘estrutura’ para sua candidatura a federal
A candidatura do deputado federal Ronaldo Lessa (PDT-AL) ao Senado em 2018 está sendo muito comentada nos bastidores; ele já foi convidado várias vezes pelo grupo do prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), para disputar a eleição de governador e tentar impedir a reeleição de Renan Filho (PMDB); por outro lado, o governo negocia para acomodar Lessa numa aliança e dar a ‘estrutura’ para sua candidatura a federal (Foto: Voney Malta)

Por Paulo Marcelo/cadaminuto.com.br - Uma nova especulação sobre a candidatura do deputado federal Ronaldo Lessa (PDT) ao Senado, nas eleições de 2018, pode mudar a conjuntura política e as estratégias dos partidos em Alagoas. A informação não é oficial, mas foi bastante comentada nos bastidores durante esta terça-feira (29).  

O parlamentar já foi convidado várias vezes pelo grupo do prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB) para disputar a eleição de governador e tentar impedir a reeleição de Renan Filho (PMDB) em 2018. Por outro lado, o Palácio República dos Palmares tenta acomodar Lessa no governo e dar a ‘estrutura’ para sua candidatura a federal.  

Análise

Lessa já chegou a dizer que não disputará o governo e que se sente mais confortável em tentar a reeleição para a Câmara dos Deputados, deixando a formação de chapa do PSDB para o PSDB. As últimas pesquisas de avaliação pública deixam Ronaldo em condições de optar pelas candidaturas de federal e até de senador entre as duas vagas que estarão em disputa em 2018.  

Caso Lessa seja mesmo candidato a deputado federal, o PSDB deve investir no caminho mais natural que é o de confirmar a candidatura de Rui Palmeira ao Governo com o ex-governador Teotônio Vilela Filho e o deputado federal Rodrigo Cunha como candidatos ao senado. Em outro exemplo Cunha pode ir para federal, caso o PSDB feche parceria com o PP e, neste caso, a dobradinha seria com o senador Benedito de Lira (Biu).

Se para governador Lessa acredita que Renan Filho é candidato forte, para o senado o entendimento pode ser outro em meio às denúncias contra o senador Renan Calheiros e o possível impedimento do registro do ex-governador Teotônio Vilela Filho pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O caminho então ficaria aberto para Ronaldo Lessa disputar o senado com amplas chances de ser eleito. 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247