Levante Popular faz campanha de arrecadação para pagar multa imposta por Doria

Movimento foi multado em R$ 5 mil por dano ao patrimônio e crime ambiental e faz agora uma campanha na internet com o objetivo de "buscar a solidariedade de todos que gostariam de dar o recado a João Dória: SÃO PAULO NÃO ESTÁ A VENDA!"; multa ocorreu após o muro da mansão do prefeito de São Paulo ter sido pichado em um protesto no último sábado; segundo o Levante, "um militante foi injustamente preso pela acusação"

Movimento foi multado em R$ 5 mil por dano ao patrimônio e crime ambiental e faz agora uma campanha na internet com o objetivo de "buscar a solidariedade de todos que gostariam de dar o recado a João Dória: SÃO PAULO NÃO ESTÁ A VENDA!"; multa ocorreu após o muro da mansão do prefeito de São Paulo ter sido pichado em um protesto no último sábado; segundo o Levante, "um militante foi injustamente preso pela acusação"
Movimento foi multado em R$ 5 mil por dano ao patrimônio e crime ambiental e faz agora uma campanha na internet com o objetivo de "buscar a solidariedade de todos que gostariam de dar o recado a João Dória: SÃO PAULO NÃO ESTÁ A VENDA!"; multa ocorreu após o muro da mansão do prefeito de São Paulo ter sido pichado em um protesto no último sábado; segundo o Levante, "um militante foi injustamente preso pela acusação" (Foto: Gisele Federicce)

247 - O Levante Popular da Juventude faz uma campanha no site Catarse para poder pagar uma multa de R$ 5 mil imposta pela Prefeitura por dano ao patrimônio e crime ambiental.

A punição aconteceu após o muro da mansão do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), ter sido pichado durante um protesto realizado no último sábado pelo movimento. Segundo o Levante, "um militante foi injustamente preso pela acusação", sem que houvesse provas contra ele.

O objetivo da campanha, de acordo com o movimento, é "buscar a solidariedade de todos que gostariam de dar o recado a João Dória: SÃO PAULO NÃO ESTÁ A VENDA!". Confira o texto e contribua aqui.

Sábado escrachamos Dória porque o prefake de São Paulo vem degradando a cidade desde que assumiu com o seu projeto de entrega de SP para as multinacionais.

Durante o escracho, um militante foi injustamente preso pela acusação de ter pichado o muro da mansão, sem que a polícia tivesse uma prova sequer que incriminasse ele. Ainda, fomos multados num valor de R$ 5.000 por dano ao patrimônio e crime ambiental.

Essa campanha tem por objetivo buscar a solidariedade de todos que gostariam de dar o recado à João Dória: SÃO PAULO NÃO ESTÁ A VENDA!
Divulgue e contribua!

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247