Líder do PSB: "governo brinca com a crise"

Até o início do próximo mês, o PSB irá entregar à presidente Dilma um documento “deixando claro” quais são as preocupações e propostas para que o Brasil não brinque com a crise; ele afirma ainda que acha "que o Brasil está correndo atrás da inflação ou fazendo de conta que não está vendo"

Até o início do próximo mês, o PSB irá entregar à presidente Dilma um documento “deixando claro” quais são as preocupações e propostas para que o Brasil não brinque com a crise; ele afirma ainda que acha "que o Brasil está correndo atrás da inflação ou fazendo de conta que não está vendo"
Até o início do próximo mês, o PSB irá entregar à presidente Dilma um documento “deixando claro” quais são as preocupações e propostas para que o Brasil não brinque com a crise; ele afirma ainda que acha "que o Brasil está correndo atrás da inflação ou fazendo de conta que não está vendo" (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque (RS), informou, nesta segunda-feira (19), que até o início do próximo mês, o partido irá entregar à presidente Dilma um documento “deixando claro” quais são as preocupações e propostas para que o Brasil não brinque com a crise. Para ele, é isto que o governo federal tem feito: “brinca com a crise econômica e faz de conta que está tudo bem”.

"Se brincar com a crise, com a inflação, com as contas públicas, nós podemos por a perder muitas conquistas que elevaram 40 milhões de brasileiros à classe média", disse, antes de uma reunião no Recife convocada pelo presidente nacional do PSB, governador Eduardo Campos (PE), com os líderes do partido nos seis maiores colégios eleitorais do país (SP, MG, BA, RJ, PR e RS).

"Acho que o Brasil está correndo atrás da inflação ou fazendo de conta que não está vendo", afirmou. "Se o governo não consegue enxergar isso ou não quer enxergar isso para fazer de conta que está tudo bem, isso pode custar muito caro para o país", disse o líder do partido.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email