Líder nas pesquisas em SP, Russomanno está a um passo de ser barrado da disputa

Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer favorável à condenação do deputado Celso Russomanno (PRB-SP) pelo crime de peculato e pediu que a ação seja colocado de forma urgente na pauta de julgamento do Supremo Tribunal Federal; condenação o deixaria fora da disputa à Prefeitura de São Paulo

Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer favorável à condenação do deputado Celso Russomanno (PRB-SP) pelo crime de peculato e pediu que a ação seja colocado de forma urgente na pauta de julgamento do Supremo Tribunal Federal; condenação o deixaria fora da disputa à Prefeitura de São Paulo
Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer favorável à condenação do deputado Celso Russomanno (PRB-SP) pelo crime de peculato e pediu que a ação seja colocado de forma urgente na pauta de julgamento do Supremo Tribunal Federal; condenação o deixaria fora da disputa à Prefeitura de São Paulo (Foto: Gisele Federicce)

SP 247 – O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer favorável à condenação do deputado federal Celso Russomanno (PRB-SP) pelo crime de peculato em ação que corre contra ele no Supremo Tribunal Federal.

Janot pediu ainda que a pauta sobre o caso seja incluída com urgência na agenda da corte. O deputado já foi condenado nesse caso em primeira instância a uma pena de dois anos e dois meses de prisão em regime semiaberto, que foi convertida em trabalhos comunitários.

A denúncia do MPF aponta que Russomanno empregou em sua produtora uma funcionária de seu gabinete, cujo salário era pago pela Câmara dos Deputados.

A condenação no STF tiraria Russomanno da disputa à Prefeitura de São Paulo, pois o deputado seria enquadrado na Lei da Filha Limpa. De acordo com a última pesquisa Ibope sobre o cenário eleitoral na capital paulista, Russomanno lidera as intenções de voto, com 26%.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247