Lula defende Wagner para presidência do PT

Afastando a possibilidade de voltar ao comando do PT, o ex-presidente Lula defende o nome do ex-ministro e ex-governador da Bahia Jaques Wagner para assumir a presidência do Diretório Nacional do partido; o atual presidente da legenda, Rui Falcão, afirma que o PT vai antecipar as eleições internas, e que está em busca de alguém "mais jovem" para comandar a legenda durante as eleições de 2018; estariam no páreo ainda os nomes dos senadores Lindbergh Farias (RJ) e Humberto Costa (PE), mas a preferência de Lula por Jaques Wagner terá impacto na escolha

Afastando a possibilidade de voltar ao comando do PT, o ex-presidente Lula defende o nome do ex-ministro e ex-governador da Bahia Jaques Wagner para assumir a presidência do Diretório Nacional do partido; o atual presidente da legenda, Rui Falcão, afirma que o PT vai antecipar as eleições internas, e que está em busca de alguém "mais jovem" para comandar a legenda durante as eleições de 2018; estariam no páreo ainda os nomes dos senadores Lindbergh Farias (RJ) e Humberto Costa (PE), mas a preferência de Lula por Jaques Wagner terá impacto na escolha
Afastando a possibilidade de voltar ao comando do PT, o ex-presidente Lula defende o nome do ex-ministro e ex-governador da Bahia Jaques Wagner para assumir a presidência do Diretório Nacional do partido; o atual presidente da legenda, Rui Falcão, afirma que o PT vai antecipar as eleições internas, e que está em busca de alguém "mais jovem" para comandar a legenda durante as eleições de 2018; estariam no páreo ainda os nomes dos senadores Lindbergh Farias (RJ) e Humberto Costa (PE), mas a preferência de Lula por Jaques Wagner terá impacto na escolha (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Afastando a possibilidade de voltar ao comando do Partido dos Trabalhadores (PT), o ex-presidente Lula defende o nome do ex-ministro e ex-governador da Bahia Jaques Wagner para assumir a presidência do Diretório Nacional do partido.

O atual presidente do partido, Rui Falcão, afirma que o PT vai antecipar as eleições internas, e que está em busca de alguém "mais jovem" para comandar a legenda durante as eleições de 2018. Segundo Falcão, a troca do comando do PT deve acontecer ainda no primeiro semestre de 2017.

Estariam no páreo ainda os nomes dos senadores Lindbergh Farias (RJ) e Humberto Costa (PE), mas a preferência de Lula por Jaques Wagner terá impacto na escolha.

O diretório do PT se reunirá no próximo dia 7 de outubro para definir como será feita a troca do comando, se por meio de um Processo de Eleição Direta (PED), como acontece atualmente, ou se será por meio de um congresso da sigla.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email