Mais uma etapa do BRT Move entra em operação

Três linhas circulares, já existentes, foram integradas à estação e duas semiexpressas foram transformadas em linhas alimentadoras; o sistema, que será completamente implantado no final de maio, já atendia cerca de 30 mil passageiros por dia em média, chegou a transportar 47 mil em um dia de pico, e com a mudança passa a ter capacidade para receber mais 23 mil usuários na capital mineira

Três linhas circulares, já existentes, foram integradas à estação e duas semiexpressas foram transformadas em linhas alimentadoras; o sistema, que será completamente implantado no final de maio, já atendia cerca de 30 mil passageiros por dia em média, chegou a transportar 47 mil em um dia de pico, e com a mudança passa a ter capacidade para receber mais 23 mil usuários na capital mineira
Três linhas circulares, já existentes, foram integradas à estação e duas semiexpressas foram transformadas em linhas alimentadoras; o sistema, que será completamente implantado no final de maio, já atendia cerca de 30 mil passageiros por dia em média, chegou a transportar 47 mil em um dia de pico, e com a mudança passa a ter capacidade para receber mais 23 mil usuários na capital mineira (Foto: Leonardo Lucena)

Prefeitura de Belo Horizonte - Mais uma etapa do BRT Move entrou em operação no sábado, dia 12, o que possibilitou a ampliação do acesso a diferentes regiões de Belo Horizonte. Os usuários têm, agora, na Estação São Gabriel, novos acessos a bairros das regiões Norte, Nordeste e Pampulha, ao Centro, à região hospitalar e à Savassi com a possibilidade de economia no pagamento de tarifas, conforme o trajeto que forem realizar. Três linhas circulares, já existentes, foram integradas à estação e duas semiexpressas foram transformadas em linhas alimentadoras. Foi criada uma nova linha troncal paradora, denominada 9850, que liga a Estação São Gabriel à Estação José Cândido. O sistema, que será completamente implantado no final de maio, já atendia cerca de 30 mil passageiros por dia em média, chegou a transportar 47 mil em um dia de pico, e com a mudança passa a ter capacidade para receber mais 23 mil usuários.

Em visita à Estação São Gabriel e acompanhado de representantes das Comissões Regionais de Transportes e Trânsito (CRTTs), o prefeito Marcio Lacerda experimentou mais uma vez o Move. "Com essa implantação estamos dando sequência ao projeto de ampliar a oferta de serviço pouco a pouco, com qualidade, e de acordo com o que planejamos. A cada semana iremos aumentar o sistema na avenida Cristiano Machado até atingir, em maio, a capacidade total", disse.

Nesta etapa de implantação, as linhas 503 (Santa Rosa/Aparecida/São Luis), 504 (Santa Rosa/Aparecida/São Luis) e 702 (Xodó – Marise/Estação Minas Shopping) passaram a ter ponto de embarque e desembarque dentro da Estação São Gabriel. Assim, a linha 503 passou a se chamar "Estação São Gabriel/Aparecida/Santa Rosa" e a 504, "Estação São Gabriel/Santa Rosa/Aparecida". A linha 5508 (Aarão Reis via Minaslândia) foi transformada na alimentadora 734 (Estação São Gabriel/Aarão Reis Via Minaslândia) e a 5523A (Conjunto Paulo VI) na alimentadora 815 (Estação São Gabriel/Conjunto Paulo VI). Elas estão operando com tarifa de linha alimentadora, hoje no valor de R$ 1,90.

Para atender ao aumento do número de usuários, em função da integração de mais linhas ao sistema, a frota das linhas 83D, 83P e 82 será ampliada em cerca de 55%, totalizando 34 veículos articulados. Houve também a ampliação do quadro de horários com a inclusão de novas viagens. "É um processo de adaptação. À medida que formos aumentando a oferta de ônibus troncais no corredor da Cristiano Machado, o tempo de espera vai diminuindo. O corredor troncal permitirá um grande número de ônibus e de passageiros. É possível ter ônibus de dois em dois minutos parando nas estações de transferência", observou o prefeito.

Novos serviços

Os usuários já têm à disposição uma rede muito mais ampla, com novas possibilidades de integração e de economia em seus deslocamentos. Com a integração ao sistema Move, os usuários da 5523A, por exemplo, agora têm hoje uma ligação direta com a Área Hospitalar e a Savassi. Contam com essa opção de acesso, pela integração com a linha 82 (Estação São Gabriel/Savassi via Hospitais), pagando apenas uma tarifa integrada (alimentadora + complemento troncal), sem o pagamento de mais uma tarifa, como era feito anteriormente. Os usuários das antigas linhas 5523A e 5508 passaram a ter acesso ao Centro pela linha 83D, com mais conforto e rapidez. Os usuários que chegaram à Estação São Gabriel por linhas alimentadoras no sábado já puderam fazer a integração com as linhas 503 e 504, que levam ao Mineirão, ao Shopping Del Rey ou à UFMG (acesso pela Carlos Luz), sem o custo adicional de passagem.

A nova linha troncal 9850 (Estação José Cândido/ Estação São Gabriel) oferece uma nova opção de interligação de bairros no entorno das avenidas José Cândido da Silveira e Cristiano Machado. Nessa linha estão sendo utilizados veículos do tipo Padron, que contam com portas à direita e à esquerda (para embarque em nível nas estações da Cristiano Machado), ar condicionado, porta bicicletas, suspensão a ar e maior capacidade que os veículos convencionais.

Informações

A BHTrans promoveu encontros com moradores da região para apresentar o novo sistema, além de reuniões com as CRTTs. Folhetos com informações detalhadas estão sendo distribuídos nos ônibus e a sinalização nas plataformas da Estação São Gabriel foi reforçada. Uma equipe de mais de 300 pessoas do Posso Ajudar também trabalha, em turnos, para orientar os usuários. Todas as informações sobre o Move podem ser conferidas no endereço www.bhtrans.pbh.gov.br/move.

Move Metropolitano

Usuários da região metropolitana também serão beneficiados com o Move. A partir do dia 26, o Move Metropolitano entra em operação. “Começaremos, junto com o governo do Estado, a operar as linhas metropolitanas que usarão a antiga Estação São Gabriel, já reformada e adaptada. As linhas metropolitanas usarão as estações de transferência ao longo da Cristiano Machado e, no Centro, duas estações, nas avenidas Paraná e Santos Dumont, reservadas para isso. Com isso, a região metropolitana também vai poder desfrutar desse novo serviço”, salientou o prefeito Marcio Lacerda.

Balanço do primeiro mês

Quando entrou em operação no dia 8 de março, era previsto que, na primeira etapa, o Move na Cristiano Machado transportaria cerca de 30 mil pessoas por dia. Porém, no dia 2 de abril (pico máximo), mais de 47 mil usuários foram transportados, com o incremento de novas viagens para bem atender a demanda adicional. Em média, estão sendo feitas 70 viagens/dia na linha 83D (Estação São Gabriel/Centro Direta), 60 na 83P (Estação São Gabriel/Centro, Paradora) e 62 na linha 82 (Estação São Gabriel/Região Hospitalar e Savassi). O tempo médio de viagem na hora de pico na linha 83 D (Direta), entre Estação São Gabriel e a Estação São Paulo, na avenida Santos Dumont, é de 17 minutos, na 83P (Paradora), de 22 minutos, e na linha 82 paradora, de 54 minutos, entre São Gabriel e a Savassi, passando pela Área Hospitalar. A operação em sua primeira fase manteve-se dentro das expectativas. 

Os quadros de horário do primeiro mês foram cumpridos com regularidade e agilidade. Não foram registrados acidentes com vítima durante este período de funcionamento e Move conseguiu absorver a demanda adicional por meio da disponibilização de 13 veículos reservas no período da manhã e de seis veículos reservas no período da tarde.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247