Manifestantes e polícia se enfrentam no Recife

O Centro do Recife acabou servindo de cenário para um confronto entre manifestantes ligados à Frente de Luta pelo Transporte Público em Pernambuco e policiais militares; o protesto começou de forma ordeira e tinha como objetivo reivindicar a implantação do passe livre e a instalação de uma CPI para apurar irregularidades no sistema de transporte público; a confusão começou quando um pequeno grupo passou a depredar lojas e veículos; a polícia reagiu e fez uso de bombas de efeito moral e de balas de borracha para dispersar a multidão

RECIFE, PE, 21.08.2013: PROTESTO/RECIFE/PE - Manifestantes realizam mobilização em frente à Câmara de Recife - A presidência da Câmara Municipal do Recife decidiu suspender as atividades, na tarde desta quarta-feira (21), em função de um protesto marcado
RECIFE, PE, 21.08.2013: PROTESTO/RECIFE/PE - Manifestantes realizam mobilização em frente à Câmara de Recife - A presidência da Câmara Municipal do Recife decidiu suspender as atividades, na tarde desta quarta-feira (21), em função de um protesto marcado (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247 - O Centro do Recife acabou servindo de cenário para um confronto entre manifestantes ligados à Frente de Luta pelo Transporte Público em Pernambuco e a Polícia Militar de Pernambuco. O protesto começou de forma ordeira quando cerca de 100 manifestantes percorreram as ruas da capital reivindicando a implantação do passe livre e a instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar irregularidades no sistema de transporte público de passageiros. A confusão começou quando um grupo formado por aproximadamente dez pessoas passou a depredar lojas e veículos. A polícia reagiu e fez uso de bombas de efeito moral e de balas de borracha para dispersar a multidão. No início da noite, os manifestantes

Na confusão, nem mesmo as vidraças do Cinema São Luiz, um símbolo da cena cultural recifense, foram poupadas. Expositores e bilheterias tiveram os vidros quebrados a pedradas pelos manifestantes.  O trânsito na Avenida Conde da Boa Vista, uma das principais artérias da capital, foi bloqueado nos dois sentidos da via.

Com a reação da polícia, os manifestantes se dispersaram, voltando a se reunir na Rua da Aurora. Em seguida, o grupo se dirigiu ao prédio da Assembleia Legislativa. Mais cedo, a Câmara de Vereadores do Recife, havia suspendido os trabalhos durante o período desta tarde por temer atos de vandalismo. A Casa de José Mariano já foi ocupada no início deste mês pelos integrantes da Frente de Luta pelo Transporte Público em Pernambuco que exigiam a abertura  da CPI e a implantação do passe livre.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email