Marco Maia: Bolsonaro apela. E agora, MP?

Deputado Marco Maia (PT-RS) cobra o Ministério Público após o ato de incitação à violência praticado por Jair Bolsonaro em campanha no Acre; "O que mais precisa acontecer? Ou o candidato fascista, anti Estado Democrático não é um problema? Mais fácil criminalizar Lula e deixar o monstro vociferar ódio!", postou no Twitter

Marco Maia: Bolsonaro apela. E agora, MP?
Marco Maia: Bolsonaro apela. E agora, MP? (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Rio Grande do Sul 247 - O deputado federal Marco Maia (PT-RS) cobrou do Ministério Público alguma atitude em relação à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência, após o ato de incitação à violência praticado por ele contra petistas durante campanha no Acre neste fim de semana.

"Bolsonaro apela: orienta que petistas sejam metralhados! E agora Ministério Público: incitação à violência, ameaça? O que mais precisa acontecer? Ou o candidato fascista, anti Estado Democrático não é um problema? Mais fácil criminalizar Lula e deixar o monstro vociferar ódio!", postou Maia no Twitter.

"O problema das ameaças do insano Bolsonaro não é ele. Quem o conhece sabe que é um "cão que ladra mas não morde". O problema são os que se influenciam por suas palavras, e usam a violência nas suas relações. A exemplo, os índices de feminicídio explodiram nos últimos meses", publicou ainda o parlamentar.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247